junho 12, 2021

970×90

Avião da Chapecoense: Jogadores e repórteres sobreviventes não correm risco de morrer

Os três jogadores da Chapecoense e o repórter de uma rádio sobreviventes da tragédia com o avião que matou 71 pessoas não correm risco de morrer. A informação foi dada na tarde desta quarta-feira (30) por Luiz Antônio Palaoro, vice-presidente jurídico do clube, durante entrevista coletiva para falar sobre os preparativos da cerimônia em homenagem às vítimas da queda da aeronave. Nesta quarta, os médicos do hospital San Juan de Dios, em La Ceja, na Colômbia, informaram que o zagueiro Neto e o jornalista Rafael Henzel, da rádio Oeste Capital de Chapecó, tiveram boa evolução do quadro médico nas últimas 12 horas. O estado do goleiro Jackson Follmann, internado em outro hospital, o San Vicente de Paola, é gravíssimo. Ele teve a perna direita amputada. O lateral Alan Ruschel teve trauma na coluna, fraturas na perna e lesões abdominais, e seu quadro de saúde é estável. O técnico do avião, Erwin Tumiri, e a comissária de bordo Ximena Suarez, também sobreviventes, não correm risco de morrer.

Compartilhe
abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

abaixo de Saúde