novembro 29, 2020

970×90

Bitcoin: saiba como começar a investir na mais famosa das criptomoedas

Bitcoin: saiba como começar a investir na mais famosa das criptomoedas

Com certeza você já ouviu falar em criptomoedas, o chamado “dinheiro digital” que nos últimos anos tem se tornado mais popular, crescendo em valor e diversidade de moedas. Se no passado você pensou em começar a investir em criptomoedas, especialistas garantem que este é o momento ideal para entrar nesse mercado.

A criptomoeda mais famosa é o Bitcoin, provavelmente por ter sido a primeira moeda do gênero a ser criada, em 2009. Neste artigo, iremos explicar a você o que é Bitcoin, falaremos um pouco mais sobre o conceito de criptomoedas e indicaremos quais são as melhores formas de começar a investir nesse mercado.

O que é Bitcoin?

Os Bitcoins são moedas digitais criadas a partir de criptografia e da tecnologia Blockchain — uma espécie de corrente de dados que registra e distribui as informações de forma segura pela internet, como já explicamos em https://lfnews.com.br/. Outra característica dessa criptomoeda é o fato de ela ter um sistema descentralizado, ou seja, que não é dependente de nenhuma entidade governamental ou financeira para existir. Ainda que o Bitcoin possa ser considerado a criptomoeda mais popular, hoje já existem mais de 1.600 moedas digitais diferentes no mercado.

Para ter uma ideia mais clara do que são Bitcoins, o livro “Bitcoin”, de Fernando Ulrich, faz uma comparação entre elas e o e-mail no sentido de que o Bitcoin irá fazer ao dinheiro o mesmo que o e-mail fez à informação: antes era necessário um intermediário entre o emissor e o receptor da carta — o correio —, mas hoje em dia um e-mail é enviado diretamente de uma pessoa para outra. Da mesma forma, o Bitcoin não necessita de um banco, sendo por isso uma moeda descentralizada.

Tal como o dinheiro físico, a quantidade de Bitcoins é finita, ou seja, existe um número específico de Bitcoins, o que as torna menos suscetíveis à desvalorização. Mas o que faz deste momento um marco importante e uma oportunidade para investir é que em maio deste ano ocorreu o terceiro halving, o que significa que o número de Bitcoins disponível no mercado foi reduzido pela metade. Isso significa que a oferta diminuiu drasticamente, mas a procura continua muito elevada, o que aumenta em muito o seu valor. Agora, mais do que nunca, é uma excelente época para investir nesta moeda, pois o mercado está em alta e o preço do Bitcoin está subindo rapidamente.

Como investir em Bitcoin?

Os principais benefícios desta moeda digital são a flexibilidade e a liberdade de fazer transações de forma anônima, quando quiser e com o montante que desejar. Outro ponto positivo é a possibilidade de fazer cópias de segurança, ou seja, ter a sua carteira de Bitcoins segura, permitindo também criptografia dos dados para garantir uma camada extra de segurança, para o caso de falha de hardware ou furto. Além disso, muitas vezes, as transações são isentas de taxas e mais ágeis do que aquelas feitas com moedas tradicionais.

Se há alguns anos investia-se em Bitcoins apenas esperando a sua valorização, hoje já é possível utilizar essas moedas virtuais em uma grande variedade de estabelecimentos físicos e online. Esse é o caso, por exemplo, da clínica veterinária PreVet Home, em São Paulo, do Nobile Plaza Hotel, em Brasília (que aceita Bitcoin desde 2016), do estúdio de tatuagem Wayne Tatto, em São Paulo, de lojas online como Microsoft, Overstock e Dell e de grandes nomes do setor de entretenimento, como o site de viagens Expedia e diferentes sites de jogos de cassino. O site https://www.casinos.pt/pagamento/bitcoin/  por exemplo, traz uma lista com muitos cassinos que aceitam Bitcoin através das carteiras digitais, outros métodos de pagamento como Skrill e Neteller também estão cada vez mais populares. Como pode ver, os estabelecimentos que aceitam a moeda digital são diversos e seu número cresce diariamente.

Para adquirir Bitcoins existem diversas formas: através de compra direta de alguém que esteja vendendo criptomoedas (o preço é definido pelo vendedor), fazendo mineração (quando transmite a adiciona novos blocos de transações de Bitcoins), aceitando estas moedas como pagamento por um produto ou serviço, em plataformas de câmbio (através de uma corretora especializada) e ainda por meio da aquisição de cotas de fundos de Bitcoin. A forma mais fácil, e por isso a mais usada, é por meio de uma corretora especializada, em casas chamadas exchange, como Bitcointoyou, FoxBit, NovaDAX, BitcoinTrade, entre muitas outras. Para este processo, você precisa apenas abrir uma conta numa destas casas e, assim que sua conta for ativada, poderá transferir dinheiro para trocar por Bitcoins.

É fácil de imaginar que o Bitcoin será o futuro próximo do mercado financeiro, principalmente no Brasil, que já se tornou um dos países do mundo com maior número de usuários dessa criptomoeda, de acordo com o portal Statista. Por isso, essa é a oportunidade perfeita para investir nesta moeda cada vez mais valorizada no mercado.

Compartilhe
abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

abaixo de Saúde