outubro 26, 2020

970×90

Bolsonaro não entrega à Justiça detalhes de gastos do 1º turno

Bolsonaro não entrega à Justiça detalhes de gastos do 1º turno

O candidato à Presidência da República pelo PSL, Jair Bolsonaro, ainda não informou à Justiça Eleitoral, de forma discriminada, os gastos da campanha.

Em menos de uma semana do segundo turno das eleições, o presidenciável declarou pagamentos realizados a apenas seis pessoas: o coordenador financeiro, dois auxiliares, dois seguranças e a intérprete de libras.

De acordo com a prestação de contas parcial ao Tribunal Superior Eleitoral, até o momento, Bolsonaro informou que gastou R$ 955 mil na campanha do primeiro turno, com exceção das doações a outros candidatos.

A lei determina que toda a movimentação financeira dos candidatos realizada até o dia 8 de setembro deve ser informada de forma discriminada à Justiça Eleitoral para que seja divulgada na internet.

Compartilhe
abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

abaixo de Saúde