junho 12, 2021

970×90

Câncer de Próstata: Desenvolvendo uma sociedade sem preconceito

*Por Diandra Janaina

Estamos vivenciando um momento no Brasil onde logramos mais acesso às informações, cenário este que favorece o conhecimento sobre algumas problemáticas de saúde pública, inclusive a saúde do homem.

Neste aspecto, vamos discutir sobre o câncer de próstata, assunto temido pelos homens e que vem preocupando os indicadores de saúde mundial.

A próstata é uma glândula que só os homens possuem, localizada na parte baixa do abdômen. Ela é um órgão pequeno, tem a forma de maçã, e dimensões aproximadas de uma castanha.

No Brasil, o câncer de próstata é o segundo mais comum entre os homens (atrás apenas do câncer de pele não melanoma). É o sexto tipo mais comum no mundo, o mais prevalente entre os homens e representa cerca de 10% do total de cânceres; é seis vezes maior sua incidência nos países desenvolvidos e também considerado um câncer da 3ª idade, sendo que ¾ dos casos incidem a partir dos 65 anos.

Observa-se que o Brasil vem apontando um aumento considerável dos casos, diante da evolução dos métodos diagnósticos (exames), melhoria na qualidade da informação, além do aumento da expectativa de vida.

Alguns tumores podem crescer de forma rápida, sofrer metástase e acentuar o risco de morte. Em sua grande maioria cresce de forma lenta (pode levar 15 anos para atingir 1cm³, sem dar sinais e nem ameaçar a saúde do homem).

Em fase inicial, possui evolução silenciosa, de modo que alguns não apontam sintomas, contudo, outros se assemelham ao crescimento benigno da próstata. Muitos pacientes apresentam dificuldades de urinar, necessidade de urinar mais vezes durante o dia ou a noite. Na fase avançada, pode provocar dor óssea, sintomas urinários, ou quando mais grave, infecção generalizada ou insuficiência renal.

A escolha do tratamento mais adequado deve ser individualizado e definido após serem estabelecidos os riscos e benefícios pelo médico. Para doença localizada: cirurgia, radioterapia, e até mesmo observação vigilante. Localmente avançada: radioterapia ou cirurgia em combinação com tratamento hormonal. Para doenças metastática: terapia hormonal.

Existem medidas que adotadas durante a vida podem prevenir o câncer de próstata, assim como outras doenças, são elas: detecção precoce e rastreamento (exames de rotina), dieta alimentar (rica em frutas, verduras, cereais integrais, grãos, menor ingesta de gordura animal), atividade física diária, manter o peso adequado, evitar o consumo de álcool e não fumar.

Os exames de primeira escolha para detecção do câncer de próstata são: PSA (dosagem do antígeno prostático) e toque retal. Em casos de uma possível existência da doença poderá ser solicitada ultrassonografia pélvica, prostática, ou transretal. E mediante o resultado da ultrassonografia, uma indicação de biópsia.

O “novembro azul” é o mês da campanha, que enfatiza a necessidade da prevenção do câncer de próstata. Vencer o preconceito depende da viabilidade da informação, além de considerarmos, NATURALMENTE, o exame de próstata (toque retal) um exame de rotina (recomendado a partir dos 50 anos de idade). Vale salientar que, para ficar “tudo azul, lindo como a cor do mar”, os homens precisam adotar as práticas do cuidado com a saúde o ano inteiro!

Fonte: INCA, Instituto Nacional de Câncer.

*BIOGRAFIA

Diandra Janaina Torres Moreira Cezar, nasceu em Salvador – BA, em 02 de fevereiro de 1989. Estudou Enfermagem pela Universidade Estácio de Sá (2011), Pós Graduanda em Enfermagem Dermatológica, Expertise em Palestras pela Repense, Estratégia em Saúde da Família. Atualmente desempenha atividades de assistência de enfermagem, e ministra palestras em empresas e instituições de ensino, visando o compartilhamento da informação sobre os aspectos da saúde.

Redes sociais:

www.linkedin.com (Diandra Janaina)

www.facebook.com/diandrajanaina

www.twitter.com/diandrajanaina

www.instagram.com/diandrajanaina

Contatos para palestras:

Facebook: www.facebook.com/repensesaude

Instagram: @repensesaude

Tel. (71) 99915-2515

E-mail: [email protected]

Compartilhe
abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

abaixo de Saúde