março 31, 2020

970×90

Carnaval: governo homenageia os 70 anos do trio elétrico com mais de 200 atrações

Carnaval: governo homenageia os 70 anos do trio elétrico com mais de 200 atrações

Criado há 70 anos pelos mestres Dodô e Osmar, o trio elétrico será o grande homenageado no Carnaval 2020 do governo da Bahia. Nomes como BaianaSystem, Léo Santana, Ivete Sangalo, Anitta e outros, são alguns dos que farão a alegria dos foliões-pipoca este ano. Somente em Salvador, mais de 200 atrações foram contratadas ou contam com o patrocínio do estado. Além disso, o governo apoia a realização da festa em 32 cidades de diferentes regiões, como Belmonte, Lauro de Freitas, Correntina, Juazeiro, Itabuna e Rio de Contas. 

A programação e as novidades do Carnaval 2020 foram divulgadas nesta quinta-feira, 13, em um evento oficial, realizado na Sala Principal do Teatro Castro Alves. Estiveram presentes autoridades como o governador Rui Costa, a deputada estadual Olívia Santana e a secretária da Cultura, Arany Santana. Sulivã Bispo, que interpreta a personagem ‘Mainha’, na série ‘Na Rédea Curta’, apresentou a programação e novidades junto com Arany. Artistas como Daniela Mercury, Bell Marques, Lazzo Matumbi, Sarajane e outros também estiveram presentes no evento. 

“A Bahia tem o Carnaval mais democrático do Brasil, o Carnaval que segue resistindo e voltando com toda força, é um Carnaval com inclusão social, cada vez mais sem cordas”, afirmou o governador Rui Costa, após serem apresentadas as programações de cada circuito, enfatizando na ausência de cordas para um Carnaval mais democrático e acessível para todas as classes sociais. 

A abertura do evento contou com a apresentação dos Irmãos Macêdo, cantando sucessos que embalaram os antigos carnavais da Bahia. Em seguida, a cantora Daniela Mercury subiu ao palco para fazer uma participação especial, junto aos artistas. Na ocasião, artistas e entidades carnavalescas foram homenageadas, com uma premiação entregue por Rui Costa, pelo trabalho feito durante décadas de Carnaval. As homenagens foram dedicadas ao Bloco Alvorada, o mais antigo bloco de samba, pelos 45 anos de história; Nelson Rufino pelos 55 anos de carreira; Bloco Olodum pelos 40 anos de história; e Bloco Cheiro de Amor também pelos 40 anos. 

O governo está investindo em uma ampla estrutura de serviços em áreas como saúde, turismo, direitos humanos e, principalmente, segurança. Neste ano, cerca de 27 mil policiais vão atuar na capital e no interior, com o reforço do Sistema de Reconhecimento Facial da Secretaria de Segurança Pública (SSP). A tecnologia vai contar com 300 câmeras, monitorando os três circuitos oficiais, acompanhadas 24h por equipes da SSP. 

Combate ao racismo 

O serviço de enfrentamento ao racismo estará sendo comandado pela Secretaria de Promoção da Igualdade Racial (Sepromi), que estará atuando no Carnaval de Salvador a partir da quinta-feira, 20, às 9h, com a equipe do Centro de Referência de Combate ao Racismo e à Intolerância Religiosa Nelson Mandela, na sede do Procon (Rua Carlos Gomes, 746, Centro). No circuito Dodô (Barra-Ondina), a Unidade Móvel do Centro de Referência Nelson Mandela estará oferecendo informações, atendimento preventivo e acolhimento de denúncias de racismo.

Carnaval Ouro Negro

Quarenta blocos, das categorias afro, afoxé, samba e reggae desfilam este ano com o apoio do edital Carnaval Ouro Negro, que completa 13 anos estimulando a participação de agremiações oriundas das diversas comunidades de Salvador, que tem na folia o ápice para as atividades sociais que são desenvolvidas ao longo do ano. Em 2020, dentre as agremiações contempladas pelo edital, estão o Afoxé Filhos de Gandhy, blocos Alerta Geral, Alvorada, Olodum, Cortejo Afro, Muzenza, Laroyê Arriba, Quero Ver o Momo, Blocão da Liberdade, Tambores e Cores, Bloco da Saudade, Gera Dois e Mutantes, e ainda Reggae O Bloco e o Ska Reggae.

Respeita as Mina

Pelo quarto ano consecutivo, a Secretaria de Políticas para as Mulheres do Estado da Bahia (SPM-BA) vai realizar a campanha de enfrentamento às várias formas de violência contra as mulheres na maior festa popular da Bahia. Serão distribuídos materiais informativos com orientações de como proceder em caso de violência, onde denunciar ou buscar ajuda.

Pelo segundo ano, o “Trio Respeita as Mina” leva as Aya Bass para a folia: são elas Larissa Luz, Luedji Luna e Xênia França, três mulheres de destaque da nova música baiana, com trabalhos de repercussão nacional e internacional. O trio deverá sair no sábado de Carnaval, na Barra. 

Uma das novidades do Carnaval 2020 é a Casa Respeita as Mina Verão, um espaço que vai abrir no dia 19, às 17h, funcionando até o fim de março durante as comemorações do Março Mulher. No local serão realizadas conferências, debates, pocket shows e performances, além de outras atividades para o público feminino. A Casa funcionará no antigo prédio do Serviço de Atendimento ao Turista (SAT), na Rua das Laranjeiras, 31, no Terreiro de Jesus.

Trabalho Infantil 

Por um Carnaval sem violações de direitos, em mais um ano a campanha sobre trabalho infantil e exploração será destaque na atuação da Secretaria de Justiça Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS). As atividades do Plantão Integrado de Proteção no Carnaval de Salvador, iniciativa de combate às violações de direitos contra crianças e adolescentes durante a festa, terão início na quinta-feira, 20. 

Composto por órgãos públicos, o plantão tem a finalidade de combater o trabalho infantil e exploração sexual, além de garantir a proteção integral do público infanto-juvenil. 

Compartilhe
abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

abaixo de Saúde