abril 14, 2021

970×90

Chegada da primavera movimenta agenda cultural

Chegada da primavera movimenta agenda cultural

Com o início da primavera, nesta quarta-feira (21), um programação cultural especial movimenta o Centro Histórico de Salvador e gera renda para quem vive do comércio do turismo na região. Tempo de aproveitar para conhecer a cidade pagando um pouco menos do que o período do verão, no caso dos turistas, e oportunidade de lucrar mais, para os ambulantes, comerciantes e empresários que mantém negócios no centro. Para a nova estação, o Governo do Estado apoia e promove apresentações musicais, culturais e atividades diversificadas que vão além da infraestrutura que já existe em locais como o Pelourinho, por exemplo.

Se as apresentações musicais dão o tom da noite no Centro Histórico, durante o dia os museus também agitam a programação cultural. Nesta quarta-feira, como parte da 10ª Primavera dos Museus, o Desfile de Instrumentos Tradicionais com a Orquestra Museofônica de Emília Biancardi tomou ruas do Pelourinho durante a manhã, integrando a série de ações planejadas para a primavera e que seguem até dezembro, como explicou a diretora de museus do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (IPAC), Ana Liberato. “Trabalhamos com os acervos não só no interior das casas, das edificações onde ficam os nossos museus, mas queremos levar cultura também para as ruas, o trabalho além-muro e, por isso, estamos constantemente realizando atividades fora dos museus para dinamizar e para mostrar ao público que o museu não é somente um lugar, ele extrapola”, contou.

Compartilhe
abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

abaixo de Saúde