fevereiro 21, 2020

970×90

Com foco no desenvolvimento de políticas públicas, Lauro de Freitas recebe Caravana Lesbi de Saúde

Com foco no desenvolvimento de políticas públicas, Lauro de Freitas recebe Caravana Lesbi de Saúde

A Secretaria Municipal de Saúde (SESA) de Lauro de Freitas recebeu, nesta sexta-feira (17), a Caravana Lesbi de Saúde. Integrantes do Coletivo de Lésbicas e Mulheres Bissexuais da Bahia, que desenvolvem o projeto, provocaram a discussão sobre saúde sexual e reprodutiva do público alvo. Questões debatidas no encontro, com participação de profissionais da área e sociedade civil, servirão para construção de uma cartilha com propostas de prevenção as IST’s/AIDS, depoimentos e orientações de denúncias contra violências.

A Caravana chegou a Lauro de Freitas por meio da articulação do LesbiBahia com coletivos municipais do segmento e o Departamento LGBT da Secretaria Municipal de Juventude, Igualdade Racial e Políticas Afirmativas (SEJU). O projeto é aberto ao público que tem interesse em discutir propostas de atenção à saúde de lésbicas e mulheres trans e bissexuais. Representações do governo estadual também participaram do encontro.

“A caravana traz a discussão das especificidades da saúde da mulher lésbica, bissexual e trans, chamando atenção do sistema público para a construção de políticas públicas para essas mulheres, que precisam de mecanismos de prevenção e cuidado com o corpo”, explicou Patrícia Santana, coordenadora pedagógica do projeto.

Vilma Bahia, integrante do Coletivo da Diversidade e Cidadania (CDC) – Caixa D´água/Quingoma – ressalta que “as discussões vão contribuir com a estrutura pública e sociedade, para pensar como a saúde dessas mulheres está sendo tratada”. Na roda de conversa, Lívia Ribeiro, médica da Atenção Especializada (SESA), afirmou que a Secretaria de Saúde do município se sensibiliza com as questões levantadas pela Caravana e que os profissionais sempre buscam humanizar atendimentos.

Com a defesa de que política pública só se faz ouvindo movimentos sociais, Gabriel Teixeira, coordenador de Políticas LGBT da Secretaria Estadual de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS-BA), destacou que as questões voltadas a lésbicas, mulheres bissexuais e trans, também devem ser discutidas nas áreas de educação, assistência social, justiça e desenvolvimento urbano.

LesbiBahia

O Coletivo, com articulações na capital baiana e interiores, fomenta discussões de demandas de lésbicas e mulheres bissexuais dentro do segmento LGBT. Também luta pela cidadania de mulheres que amam mulheres e fortalece o empoderamento crítico de seu público.

Jornalista Laerte Sanatana

Foto Lucas Lins

ASCOM Prefeitura de Lauro de Freitas

17/01/2020

71 3288 8371

www.laurodefreitas.ba.gov.br

Compartilhe
abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

abaixo de Saúde