dezembro 02, 2021

970×90

Conselho julga se Jean Wyllys feriu decoro ao cuspir em Jair Bolsonaro

O Conselho de Ética e Decoro Parlamentar reúne-se nesta quinta-feira (17) para dar continuidade às oitivas das autoridades arroladas em representação em que o depuado Jean Wyllys (Psol-RJ) é acusado de ferir o decoro parlamentar ao cuspir na direção do deputado Jair Bolsonaro (PSC-RJ). A representação foi apresentada pela Mesa Diretora da Câmara.

A lista de quem será ouvido por sugestão do relator, deputado Ricardo Izar (PP-SP), e de Wyllys ainda não foi divulgada. O episódio ocorreu em 17 de abril, no Plenário da Câmara, durante a votação da admissibilidade do impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff.

Resultado de imagem para Conselho julga se Jean Wyllys feriu decoro ao cuspir em Jair BolsonaroHá também a perspectiva de votar parecer do deputado Júlio Delgado (PSB-MG) em outro processo contra Jean Wyllys, iniciado pelo Partido Social Cristão (PSC). O PSC pede que o colegiado puna o parlamentar por mensagem postada no Facebook no qual critica os “delírios homofóbicos de políticos e líderes religiosos mentirosos”, ao comentar o massacre de gays em boate de Orlando (EUA).

Está ainda está na pauta do Conselho a votação de ação do Partido dos Trabalhadores (PT) contra o deputado Laerte Bessa (PR-DF). Bessa é acusado de proferir, em discurso no Plenário da Câmara, ofensas não apenas contra o partido, mas também contra a ex-presidente Dilma Rousseff, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e filiados da legenda. O caso tem como relator o deputado Mauro Lopes (PMDB-MG).

O Conselho de Ética reúne-se no plenário 11, a partir das 9h30.

Compartilhe
abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

abaixo de Saúde