Daniel Alves é condenado a quatro anos e meio de prisão por agressão sexual

 Daniel Alves é condenado a quatro anos e meio de prisão por agressão sexual

O jogador baiano Daniel Alves foi condenado a quatro anos e meio de prisão pelo crime de agressão sexual. A sentença foi divulgada nesta quinta-feira (22), pela juíza Isabel Delgado Pérez, da 21ª Seção da Audiência de Barcelona, na Espanha.

Segundo o g1, a sentença inclui também um período de cinco anos de liberdade supervisionada, afastamento e incomunicabilidade com a denunciante, além de indenização de 150 mil euros (R$ 805 mil) e o pagamento das custas do processo.

A Justiça espanhola concluiu que “ficou provado que a mulher não consentiu e que existem elementos de prova, além do testemunho da denunciante, para entender comprovada a violação”.

Daniel Alves cumpre prisão preventiva há 13 meses, desde o dia 20 de janeiro de 2023. Com a sentença desta quinta-feira, ele teve o quinto pedido de liberdade negado.

A defesa da denunciante havia pedido pena máxima para o jogador, de 12 anos. A promotoria do caso pediu nove anos de prisão.

Deixe uma resposta

Descubra mais sobre LF News -

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading