Defesa Civil de Lauro de Freitas atua preventivamente para evitar desastres no período chuvoso

 Defesa Civil de Lauro de Freitas atua preventivamente para evitar desastres no período chuvoso

O período chuvoso liga o alerta para evitar que desastres aconteçam. A Prefeitura de Lauro de Freitas segue empenhada para prestar serviços e atender a população por meio da Defesa Civil. Na manhã desta quinta-feira (18), fiscais do órgão visitaram a Barragem Joanes 01, em Jambeiro, para verificar a quantidade de água recebida na represa nos últimos dias de chuva na cidade. 

Na fiscalização anterior, a régua fluviométrica marcou 58mm, mas esse número caiu para 50mm, após leve estiagem nas últimas horas no município. Outro serviço de prevenção gratuito é a colocação de lonas para evitar deslizamentos por causa da infiltração da água no solo. A ação tem como objetivo auxiliar na impermeabilização do solo, evitando que fique saturado e ocorra deslizamentos. 

O trabalho consiste em mitigar os efeitos causados pelas fortes chuvas, escoando as águas e direcionando para local mais adequado. Este ano, até o dia de hoje, técnicos já colocaram cerca de 1.000m² de lonas. Beneficiada com o serviço, a moradora do Parque São Paulo, Priscila Barbosa (33 anos) falou sobre a ação preventiva da Prefeitura. “O atendimento foi muito rápido. Quando a gente ligou, a Defesa Civil veio logo na minha casa, trouxeram a lona, o que ajudou bastante aqui. Dá segurança a nossa família”, disse a munícipe.

Tiago Max, superintendente da Defesa Civil, destacou a importância de o órgão realizar o trabalho preventivo. “A Defesa Civil realiza a ação preventiva e constante de monitoramento dos níveis dos Rios Ipitanga e Joanes. O monitoramento acontece em pontos diferentes da cidade e nas barragens. A situação verificada em campo é compartilhada com os demais órgãos municipais e a EMBASA, empreendedora das barragens, também, caso necessário, com as comunidades próximas aos cursos d’água para prontidão em uma eventual necessidade de tomada de ações preventivas”, declarou Max.

Além da Defesa Civil, outras secretarias também atuam nesse processo de prevenção para evitar danos maiores. “Realizamos ações preventivas importantíssimas antes e durante o período chuvoso, como limpeza de bueiros e sistema de drenagem por meio da SEINFRA de modo a melhorar o escoamento das águas e limpeza dos rios córregos e canais através da SESP para retirada de barreiras que possam obstruir a passagem das águas e colaborar para alagamento de vias e inundação de imóveis”, explicou o superintendente.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Todo o conteúdo deste portal é protegido por leis de direitos autorais. Para republicação ou uso, entre em contato com nossa equipe de suporte.