Dourados (MS) é a primeira cidade brasileira a vacinar contra a dengue

 Dourados (MS) é a primeira cidade brasileira a vacinar contra a dengue

A cidade de Dourados (MS) começa a distribuir nesta quarta-feira (3) as primeiras doses da vacina Qdenga -fabricada pelo laboratório Takeda- contra a dengue. Assim que receberem o imunizante, UBSs (Unidades Básicas de Saúde) do município poderão iniciar a vacinação. A ação em Dourados é fruto de uma parceria entre a prefeitura e a farmacêutica.

No início serão vacinados 150 mil moradores de 4 a 59 anos. Para tomar o imunizante, basta ir à unidade de saúde mais próxima com documentos de identificação e cartão SUS (Sistema Único de Saúde).

A vacina confere imunidade completa depois da segunda dose, que deverá ser aplicada num intervalo de três meses. O imunizante reduz casos e, especialmente, a hospitalização pela dengue.

O laboratório já entregou cerca de 90 mil doses à Secretaria Municipal da Saúde de Dourados. Outras 70 mil serão enviadas até o fim de janeiro. A quantidade é suficiente para a aplicação da primeira dose na população.

No dia 21 de dezembro, o Ministério da Saúde anunciou a incorporação da vacina contra a dengue ao SUS. O órgão ainda não divulgou as estratégias de vacinação no país.

Devido à capacidade restrita de fornecimento de doses pela farmacêutica Takeda, a ação será voltada a público e regiões prioritárias.

Segundo o boletim epidemiológico de arboviroses de Dourados, de 1º de janeiro a 23 de dezembro de 2023, a cidade registrou 1.539 casos de dengue com cinco mortes. O número de casos é o maior do que o confirmado no ano inteiro de 2022, que totalizou 916 e um óbito.

Descubra mais sobre LF News -

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading