junho 12, 2021

970×90

Eleição do Vitória deve ser adiada para o dia 15 de dezembro, diz José Rocha

A eleição presidencial do Vitória deverá ser adiada para o dia 15 de dezembro, uma quinta-feira. É o que afirma o presidente do Conselho Deliberativo e deputado federal, José Rocha (PR). O pleito aconteceria no próximo domingo (11), no Barradão. Porém, a CBF mudou os jogos da última rodada do Campeonato Brasileiro para a data do pleito eleitoral.

O time Rubro-negro encerra o  certame diante do Palmeiras, dentro de casa, às 16h (horário da Bahia). “A tendência é que a eleição aconteça no dia 15 de dezembro. Conversei com Raimundo Viana [presidente da agremiação] e falta definir algumas coisas como o horário da eleição. Ainda hoje [quarta-feira] iremos definir tudo. O Vitória vai jogar com o Palmeiras no dia 11, no Barradão. Então fica inviável acontecer neste dia”, disse Rocha, em entrevista ao Bahia Notícias.

Quatro chapas concorrem ao pleito: “Vitória de Todos Nós, encabeçada por Ricardo David; “Vitória Gigante”, liderada por Paulo Carneiro e Walter Seijo; “Vitória do Torcedor”, conduzida por Ivã de Almeida; “Vitória Cada Vez Maior”, da atual diretoria e que terá Raimundo Viana como candidato à reeleição. O sistema eleitoral no Vitória é indireto. O eleitor vota na chapa composta por 270 conselheiros. E os membros eleitos definem quem irá comandar o clube nos próximos três anos.

Compartilhe
abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

abaixo de Saúde