junho 13, 2021

970×90

Eleição em Itabuna segue indefinida após juiz pedir vistas; julgamento é adiado

A decisão sobre quem vai comandar a prefeitura de Itabuna, no Sul da Bahia, segue indefinida. Na tarde desta quinta-feira (24), o Tribunal Regional Eleitoral iniciou o julgamento sobre o processo que envolve o candidato eleito no município, o ex-prefeito Fernando Gomes (DEM), que teve 34 mil votos. Apesar da soma dos votos, Gomes teve a candidatura indeferida. A candidatura dele encontra-se impugnada após o Tribunal de Contas da União (TCU) reprovar as contas do democrata por não conclusão de obras de saneamento no município. 
 
Entretanto, na sessão de hoje, a situação ainda segue indefinida. Isso porque, o relator juiz Fábio Alessandro Costa Barros votou pelo deferimento do registro da candidatura de Fernando Gomes. Em contrapartida, o juiz federal Paulo Pimento votou contra. Por conta disso, o juiz Marcelo Junqueira Ayres decidiu pedir vistas do processo.
 
Para o advogado de defesa do democrata, Ademir Ismerim é razoável que o julgamento seja na próxima semana. “O processo é muito complexo e envolve muito conceito subjetivo”, afirmou, após avaliar como positivo o deferimento do relator, que segundo ele, é quem mais conhece dos fatos.
 
O candidato Dr. Mangabeira (PDT) teve 18.813 mil votos (26,41%), mas por conta da situação jurídica, não sabe se administrará a cidade. No entanto, se o TRE considerar Gomes apto para exercer o cargo eletivo, o mesmo assumirá o posto em janeiro de 2017.
 
Compartilhe
abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

abaixo de Saúde