maio 19, 2022

970×90

Em Lauro de Freitas, Escola Municipal realiza TBT com reencontro entre ex-alunos e professores

Em Lauro de Freitas, Escola Municipal realiza TBT com reencontro entre ex-alunos e professores

O #TBT da Escola Municipal Ana Lúcia Magalhães foi marcado por muita emoção e reencontros. A atividade foi realizada na manhã desta quarta-feira (6), com a presença de ex-alunos, professores, gestores e funcionários da instituição. Essa é uma ação inédita no município, que busca fortalecer o vínculo entre os estudantes e reforçar a importância da educação para o alcance de um futuro melhor.

Além de matar as saudades, os ex-alunos passaram nas salas para conversar com os jovens sobre suas experiências e aprendizados no decorrer das suas formações. Taís Reis, 33 anos, é graduada em Letras pela UFBA e, recentemente, lançou um livro. Aproveitou a oportunidade para falar sobre sua trajetória e contribuições da Escola Ana Lúcia Magalhães.

“Aqui eu passei os melhores momentos da minha vida. Estar aqui onde tudo começou é uma experiência incrível. Aqui aprendi muito e tudo foi fundamental para construir a minha carreira”, disse ela.

Júlio Mateus Santos, 23 anos, hoje trabalha com informática e TV. “Amei essa proposta de retornar à escola. Toda a cobrança que recebemos, enquanto alunos, é necessária para a vida. Se esforcem bastante, leiam muito. O estudo é a garantia de um futuro melhor”, destacou.

Os alunos ouviam atentos as histórias de vida. A ex-aluna Luana Nascimento, 32 anos, se formou em Direito e passou uma mensagem de respeito aos professores e de valorização dos estudos “para mudar a história de cada um”.

Maria Clara, 11 anos, estava encantada com o momento. “Achei muito bacana esse encontro. Uma das ex-alunas já tem até livro. Pedi logo um autógrafo. Eles nos falaram para nunca desistir dos nossos sonhos. Se eles conseguiram realizar, nós também podemos. Quero ser campeã de jiu-jitsu e sei que vou conseguir”, comentou.

O evento contou com o apoio da Secretaria Municipal de Educação (SEMED) e partiu da iniciativa do professor de História, Antônio Cláudio, que trabalha na escola há 18 anos. “A ideia nasceu de um encontro que tive com uma ex-aluna, que falou da saudade e como seria bom rever a escola. Então organizamos tudo para que eles também pudessem mostrar como a escola contribuiu para transformar o futuro de cada um. Foi uma grande emoção”, relatou.

De acordo com a SEMED, essa atividade sempre contará com o apoio da gestão. “Essa iniciativa é muito bonita. Uma atividade que valoriza um vínculo que nunca deve ser quebrado. Estamos super encantados com essa proposta do professor Antônio Cláudio. É um projeto que nasce aqui na Escola Ana Lúcia, mas que torcemos para que seja também implantado em outras unidades. A educação é a base de tudo. Os jovens são o futuro desse país”, relatou Vânia Galvão, gestora da Secretaria.

 

Compartilhe
abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

abaixo de Saúde