setembro 26, 2021

970×90

EMBASA realiza reunião comunitária com participação do vice-prefeito de Lauro de Freitas

EMBASA realiza reunião comunitária com participação do vice-prefeito de Lauro de Freitas

Na noite da última segunda-feira (23), a EMBASA, Empresa Baiana de Águas e Saneamento S.A. realizou na Escola Municipal Enock Amaral, uma reunião comunitária com os moradores do Parque Jockey Clube e entorno para falar sobre a
obra de contemplação do sistema de esgotamento sanitário.


Além da equipe técnica da EMBASA, participaram da reunião, representantes da equipe técnica da Secretaria Municipal de Infraestrutura- SEINFRA, secretários do executivo municipal, os vereadores Wellington Negão e Flor e o vice-prefeito Dr. Vidigal Cafezeiro que em diversos momentos fez intervenções importantes para mediar o diálogo entre a concessionária e a comunidade presente.

Dr. Vidigal Cafezeiro que conhece a obra de esgotamento de forma detalhada, uma vez que foi o secretário da SEINFRA que desenvolveu o plano municipal de saneamento, fez pontuações relevantes sobre a magnitude e importância da obra para o município e toda a população, mas reforçou a necessidade da EMBASA em continuar em constante diálogo com a população local para ouvir as sugestões coletivas que estão sendo feitos à equipe social da concessionária. Para que tudo aconteça de forma organizada e transparente, o vice-prefeito sugeriu a criação de uma comissão composta por 4 moradores que em alguns momentos, acompanharão os trabalhos da equipe social da EMBASA e dialogarão com o engenheiro responsável pela obra, ao final da reunião, a comissão foi formada e também terá a participação e acompanhamento da assistente social da SEINFRA.

O sistema de esgotamento sanitário de Lauro de Freitas já tem 43% de execução, com a retomada das obras nos últimos meses, a implantação do SES chegará à 70% de cobertura.
Todo esgoto gerado será direcionado para a estação mãe, que já está pronta e será transportado para o emissário submarino em Salvador. O engenheiro da EMBASA fez um alerta à comunidade para que não conectem seus sistemas individuais de esgoto na rede que está sendo executada, antes da autorização da concessionária, evitando assim, transtornos, uma vez que parte do sistema ainda está em fase de implantação.

Fotos: Gleidson Timóteo

Compartilhe
abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

abaixo de Saúde