outubro 24, 2020

970×90

Hospital de São Paulo reserva ambulatório para casos suspeitos de reinfecção por Covid-19

O Hospital das Clínicas (HC) de São Paulo disponibilizou um ambulatório reservado para cuidar de casos suspeitos de reinfecção por Covid-19. O número de pessoas que, até agora, procurou a instituição com novos sintomas da doença, já tendo sido infectadas no passado, é muito baixo: quatro pacientes estão em contato com os médicos.

No total, o hospital já tratou de mais de 3,6 mil pessoas infectadas pelo novo coronavírus, de acordo com a colunista Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo. Segundo a infectologista Anna Sara Levin, professora titular e presidente da Comissão de Infecção Hospitalar do HC, há três hipóteses para serem estudadas e uma delas é a de que pacientes não desenvolveram imunidade para o novo coronavírus, e voltaram a se infectar.

A outra hipótese é a de que o novo coronavírus funcione, em alguns casos, como o vírus da herpes, que permanece no corpo da pessoa e é reativado quando a imunidade cai. Como ele não é um herpesvírus, essa hipótese também é considerada pouco provável.

Uma terceira suspeita é a de que os pacientes voltaram a ter uma nova doença, semelhante à Covid-19, mas causada por outro vírus. Coincidentemente, porém, eles ainda mantêm fragmentos do novo coronavírus nas vias respiratórias.

Neste caso, as pessoas estariam, portanto, imunes ao novo coronavírus, mas o resultado para ele continuaria dando positivo nos exames. Casos assim, com outros vírus, são comuns em pediatria, afirmou a infectologista.

Bnews

Compartilhe
abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

abaixo de Saúde