fevereiro 24, 2020

970×90

‘Jornal Nacional’ ignora morte de Russo e provoca polêmica na web

O Jornal Nacional de sábado (28) provocou polêmica na internet por uma notícia que não mostrou: a atração da Globo ignorou a morte de Antônio Pedro de Souza e Silva, mais conhecido como Russo, ex-assistente da palco da emissora. Russo morreu na manhã daquele mesmo dia, aos 85 anos, por complicações decorrentes de infecção pulmonar.

A ausência de Russo, que dedicou 46 anos de sua vida à emissora, contrastou com a notícia sobre a morte do ator britânico John Hurt, que durou um minuto. Nas redes sociais, os internautas reclamaram. “Estou decepcionada! Cadê a homenagem ao Russo, que faleceu hoje?”, questionou um internauta, em mensagem direcionada ao perfil do jornal.

Confira a repercussão nas redes sociais:

 

O assistente, que começou no Cassino do Chacrinha, em 1965, e participou de programas como o Domingão do Faustão e o Caldeirão do Huck, foi afastado em 2014 da emissora. Em entrevistas, dizia que seu “coração ficava triste” ao ser barrado na portaria do Projac, complexo de estúdios da TV Globo.

Xuxa e Luciano Huck prestaram homenagens a Russo. O apresentador dedicou o Caldeirão de sábado a ele. Já Xuxa publicou a seguinte mensagem: “Russo, continue correndo de um lado pro outro e alegrando a todos, só que agora em um lugar especial….você fez parte da minha história. Vai com Deus”, disse.

Deixe seu comentário e aproveite para curtir nossa fanpage no Facebook.

Compartilhe
abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

abaixo de Saúde