dezembro 08, 2021

970×90

Justiça de Curitiba nega habeas corpus de Cunha

A Justiça de Curitiba, por meio do desembargador João Pedro Gebran Neto, da 13ª Vara Federal, negou um pedido de habeas corpus do ex-deputado federal Eduardo Cunha. 
 
De acordo com o Globo, na sua decisão, o magistrado argumentou que Cunha se caracteriza pela “acentuada conduta de desprezo não só à lei como à coisa pública, mas igualmente à Justiça e ao STF”.
 
“As diversas fases da Lava-Jato já revelaram um quadro perturbador de corrupção sistêmica” (…) “o acolhimento da prisão preventiva é uma forma de fragilizar ou desarticular o esquema criminoso”, diz.  
 
Agora, a defesa de Eduardo Cunha vai esperar que o TRF da 4ª Região (Porto Alegre) julgue o mérito do pedido de habeas corpus, o que só deve ocorrer dentro de um mês.
Compartilhe
abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

abaixo de Saúde