novembro 30, 2020

970×90

Laudo mostra que voluntário de vacina teve intoxicação por agentes químicos externos

Laudo mostra que voluntário de vacina teve intoxicação por agentes químicos externos

Um laudo divulgado pelo Instituto Médico Legal (IML), nesta quinta-feira (12), mostrou que o voluntário da vacina CoronaVac, contra a Covid-19, morreu após uma intoxicação por agentes químicos externos.

De acordo com a GloboNews, no sangue da vítima foi detectada presença de opioides, sedativos e álcool. O resultado confirma a tese de que ele tivesse morrido por suicídio ou overdose, como havia sido divulgado na última terça (10).

Por causa da morte, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) chegou a suspender os testes da vacina após “evento adverso grave”. A decisão foi duramente criticada e o Ministério Público (MP) chegou a pedir ao Tribunal de Contas da União (TCU) uma avaliação de possível interferência ideológica da Anvisa ao Tribunal de Contas da União (TCU).

A vacina foi desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac e, no Brasil, é produzida pelo Instituto Butantan.

Compartilhe
abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

abaixo de Saúde