dezembro 16, 2018

970×90

Lauro de Freitas encerra Novembro Negro com feira de saúde no Quingoma

Lauro de Freitas encerra Novembro Negro com feira de saúde no Quingoma

Testes rápidos de glicemia, aferição de pressão arterial, vacinação e distribuição de preservativos foram algumas das ações da Feira de Saúde da População Negra realizada nesta sexta-feira (30), no Quingoma. Iniciativa de Superintendência de Promoção da Igualdade Racial–SUPIR, a feira encerra a programação do Novembro Negro no município.

Além dos serviços de saúde, a Creche Municipal Rotary, local do evento, abrigou também uma Oficina Pedagógica sobre Educação Quilombola. O Quingoma é uma comunidade certificada como remanescente de quilombo pela Fundação Cultural Palmares.

Enquanto realizava o teste de glicemia, a jovem Maira Almeida falou da facilidade proporcionada pela feira na oferta dos serviços. “Qualquer procedimento como exame, vacina temos que ir no posto de Vida Nova que é o mais perto. Foi ótimo poder encontrar os serviços perto de casa”. A feira também disponibilizou vacina contra febre amarela, hepatite B e a tríplice viral que garante imunização contra sarampo, caxumba e rubéola.

Além dos serviços de saúde, quem foi ao Rotary pode enriquecer o conhecimento sobre a comunidade quilombola de Lauro de Freitas. Pós graduado em gestão pela Universidade Estadual da Bahia, Tássio Simões Cardoso ministrou a Oficina Pedagógica sobre Educação Quilombola, que foi seu objeto de pesquisa da pós graduação.

“O objetivo da pesquisa foi mostrar as práticas sociais do Quingoma que fazem parte e reafirmam a cultura quilombola, como o samba de roda. Outro fator que me chamou atenção foram os valores cultivados pela comunidade a exemplo do reconhecimento da terra como elemento sagrado”, explicou Cardoso.

A atividade encerra a programação do Novembro Negro da Prefeitura de Lauro de Freitas. “O Quingoma é o localidade de Lauro de Freitas que melhor retrata a resistência e a luta contra a escravidão e contra o racismo. Então, não tinha melhor lugar para encerramos nossas atividades que não no único território quilombola da cidade”, destacou o superintendente de Promoção da Igualdade Racial, Paulo Aquino.

Jornalista Mariana Cedrim

Fotos Lucas Lins

ASCOM Prefeitura de Lauro de Freitas

30/11/2018

71 3288 8371

www.laurodefreitas.ba.gov.br

Compartilhe isso
abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

abaixo de Saúde
%d blogueiros gostam disto: