maio 30, 2020

970×90
970×90

Maia e Paulo Guedes deixam de se falar em meio à pandemia do coronavírus

Maia e Paulo Guedes deixam de se falar em meio à pandemia do coronavírus

Entre idas e vindas, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e o ministro da Economia, Paulo Guedes, trocaram mensagens até a semana passada, mas deixaram de se falar depois disso. Segundo a coluna Painel, da Folha, a relação dos dois, que já se deteriorava desde a reforma da Previdência, quando Maia tomou para si o protagonismo da aprovação, desandou no Orçamento impositivo e inflamou com o socorro aos estados.

O Ministério da Economia avalia que Maia age como líder do DEM com o objetivo de ajudar eleitoralmente aliados nas cidades. A gota d’água foi o projeto de ajuda aos estados, pois Jair Bolsonaro, subsidiado por Guedes, viu-se alijado da política.

Para aliados de Maia, Guedes se sente deixado de lado em relação aos temas econômicos. No caso dos estados, a briga tem como pano de fundo a resistência em ajudar João Doria (PSDB-SP) contra o coronavírus.

O ministro da Economia tem dito a auxiliares que Maia tentou um assalto aos cofres da União e diz ter perdido a confiança no presidente da Câmara a ponto de avaliar a possibilidade de proibir sua equipe de enviar informações a ele.

Compartilhe
abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

abaixo de Saúde