dezembro 03, 2020

970×90

Motorista entubado que testou negativo para Covid-19 não pode ser transferido; “caso grave”, diz assessoria do hospital

Motorista entubado que testou negativo para Covid-19 não pode ser transferido; “caso grave”, diz assessoria do hospital

O hospital de campanha da Arena Fonte Nova informou nesta quinta-feira (9/7), que o paciente Jorge Luiz Souza da Silva está em estado grave, fato que impossibilita a sua transferência para outra unidade de saúde. O apelo da esposa da vítima, Liliane Oliveira, viralizou nas redes sociais. “Ele foi internado na UPA e entubado com suspeita de coronavírus, mas o resultado dele chegou em minhas mãos e eu quero respostas”, desabafou.

Segundo a família do motorista, ele estava na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), do bairro de Itapuã, e foi transferido por estar com sintomas da Covid-19. O teste que identifica a doença, entretanto, apontou “não reagente” – o que significaria que ele não teve contato com o novo coronavírus.

De acordo a assessoria do Hospital, os familiares de Jorge Luiz foram recebidos nesta quinta (9/7) pela diretora médica da unidade, um médico plantonista, representantes do serviço social e uma psicóloga da unidade. “Todas as dúvidas foram esclarecidas e os familiares demonstraram compreensão sobre a gravidade do caso e que este é o momento de cuidar do paciente para que o quadro de saúde seja restabelecido o mais breve possível”, diz a nota.

Em entrevista ao Aratu On, Liliane havia reclamado da falta de informações fornecidas pelo centro de saúde. O comunicado enviado pelo Hospital relata que “a família do paciente vem sendo contactada diariamente pelos médicos e assistência social da unidade”.

A médica responsável pelo caso teria ligado para a esposa do paciente na última terça-feira (7/7), mas as três tentativas de contato feitas no dia seguinte não teriam sido atendidas. Mesmo assim, o hospital afirma que a assistente social conseguiu conversar com a esposa.

“Informamos ainda, que o boletim médico do paciente foi passado ao cunhado do paciente, o Sr. Adailton, no início da tarde de ontem, às 13h49, pelo médico diarista. Um novo contato foi realizado no mesmo dia pela diretora da unidade com o Sr. Fábio, irmão do enfermo, para explicar a situação e os motivos que impossibilitam a transferência”, conclui a nota.

AratuOn

Compartilhe
abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

abaixo de Saúde