agosto 05, 2021

970×90

Neste 1º de maio, prefeita acompanha vacinação de trabalhadores em Lauro de Freitas. Mais de 700 pessoas foram imunizadas hoje

Neste 1º de maio, prefeita acompanha vacinação de trabalhadores em Lauro de Freitas. Mais de 700 pessoas foram imunizadas hoje

Com o início da imunização de trabalhadores do setor de transportes contra a Covid-19, a Prefeitura de Lauro de Freitas ampliou, neste 1º de maio, o público-alvo em seu Plano de Vacinação. A prefeita Moema Gramacho se uniu à classe trabalhadora para reivindicar celeridade nos processos de aquisições de mais vacinas. Somente hoje, 707 pessoas receberam a primeira dose da AstraZeneca. 

 

“Neste 1º de maio, optei por acompanhar a vacinação dos trabalhadores do setor de transportes. Esses que passam o dia inteiro transportando vidas e estão expostos aos riscos de contaminação. Na minha avaliação todos os trabalhadores deveriam ser prioridade, mas não tem vacinas para todos e, infelizmente, o Ministério da Saúde não tem mandando doses suficientes, além de ter demorado muito para providenciar vacinas. Então agora temos que seguir uma ordem de vacinação, conforme vamos recebendo vacinas”, explanou Moema. 

 

Ainda segundo a prefeita, a vacinação do setor foi incluída no Plano por meio das determinações da Comissão Intergestores Bipartite-Ba. “Em diálogo com a CIB, conseguimos aprovar a vacinação de várias categorias, entre elas os trabalhadores da educação, da saúde, e mais recentemente, os policiais, guarda municipais e rodoviários. Entretanto, poucas doses estão chegando, mais de 400 mil mortes no país, muitos desses trabalhadores, e precisamos garantir a imunização de todos”, conclamou. 

Na vacinação para o setor de transportes, entre profissionais das Cooperativas Translauf e Cooperlotacão, 106 trabalhadores receberam a 1º dose. A prefeita Moema Gramacho também prestigiou a imunização de profissionais da educação no drive-thru de Itinga, onde 162 pessoas foram vacinadas. Nos drivers do Aracuí, Portão e Areia Branca, em que o público de profissionais autônomos, idosos e pessoas com comorbidades estiveram para se vacinar, um total de 439 doses foram aplicadas. 

 

Ainda hoje, quem viveu a emoção de ver um filho sendo vacinado foi Jane Vilela, mãe de João Paulo de 18 anos. “Ele tem o espectro autista. Desde então está sem fazer terapia, sem estudar, sem convívio social, o que é muito difícil pra gente. A pandemia tirou isso tudo. Vê-lo vacinado é uma esperança e eu me orgulho dele porque ele se supera. É um sentimento sem igual e desejo que todos consigam se vacinar”, contou Jane sobre o seu enfrentamento e de sua família contra o coronavírus. 

 

Coordenadora do Coletivo Criando Asas, Roquelina Magnólia acompanhou a vacinação de dois integrantes do grupo formado por jovens e adultos com comorbidades e deficiências. “Eu tô aqui com Evandro Portugal e Jucilene Miranda. Não só os dois, mas todos do Criando Asas e outros do município, representam a luta do Movimento da Pessoa com Deficiência que está nessa missão de garantir a vacina desse público. Nós, mães, agradecemos por Lauro de Freitas, hoje, ser um exemplo de inclusão dessas pessoas”, enfatizou. 

 

Vacinação suspensa

 

A aplicação de vacinas contra a COVID-19 não será realizada neste domingo (2), para nenhum dos públicos – 1º e 2º dose. A vacinação será retomada nesta segunda-feira (3). A programação será divulgada nos canais oficiais da Prefeitura de Lauro de Freitas. Instagram (preflaurodefreitas), Facebook (/PrefeituradeLaurodeFreitas) e site (www.laurodefreitas.ba.gov.br). 

 

Compartilhe
abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

abaixo de Saúde