novembro 13, 2019

970×90

Operação ASPRA: Presidente da AL-BA pede investigação rigorosa por uso de carro oficial

Operação ASPRA: Presidente da AL-BA pede investigação rigorosa por uso de carro oficial

O presidente interino da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), Alex Lima (PSB), comentou sobre a apreensão feita pela Polícia Civil de munições dentro de carro oficial da AL-BA, estacionado na sede da ASPRA em Salvador. A Associação é liderada pelo deputado estadual Soldado Prisco (PSC). No início da manhã desta quarta (16), ocorreu uma operação conjunta do Ministério Público da Bahia (MP-BA) e Polícia Civil em todas as sedes da Aspra (Associação dos Policiais e Bombeiros do Estado da Bahia), na capital e interior.

“A Assembleia disponibiliza os carros para uso da atividade paramentar, se ele estava sendo usado com outra finalidade isso não é permitido. Sem dúvidas a Assembleia precisa se inteirar e fazer uma investigação rigorosa”, disse Alex Lima.  

Lima reafirmou ainda que a “Assembleia desde o início se colocou como mediadora da situação” da greve de um grupo de Policias Militares liderados por Prisco. “Com relação aos fatos ocorridos hoje eu ainda tenho pouca informação do que de fato aconteceu. Vou falar com o secretário Maurício Barbosa para me inteirar do assunto, não tenho maiores detalhes oficiais”.  

Há também a informação que o deputado Prisco sofreu um possível atentado, com carros sendo alvejados. “Isso é muito grave, precisa ser investigado e assim que concluído punir os possíveis culpados, não podemos aceitar que nenhum ser humano passe por uma situação dessa”, opinou Lima. 

O presidente interino foi questionado também sobre uma possível perda de mandato do deputado Prisco por liderar o movimento grevista, considerado inconstitucional e apontado pelo governador do Estado, Rui Costa de ter cunha político. Rui também acusou Prisco de ser comandar atos criminosos e ser aliado de traficantes. 

“Em caso de possível prisão ele detém de foro privilegiado, salvo flagrante, e precisa ser autorizado pela Assembleia Legislativa da Bahia”, disse deputado Alex Lima sem querer comentar sobre um possível processo de cassação de mandato de Prisco. “Acho que é o limite do limite das coisas. Precisa ser algo muito grave. Não gostaria de falar de especulação”. 

A Polícia Civil apreendeu na manhã desta quarta-feira (16), R$ 5 mil em espécie e munições localizadas dentro de um Corolla alugado pela Assembleia Legislativa da Bahia, na sede da ASPRA em Salvador. Conforme a Secretaria da Segurança Pública (SSP), todas as sedes da ASPRA foram interditadas por determinação da Justiça baiana e são alvo de uma operação do MP-BA, com apoio da Secretaria de Segurança Pública (SSP), por meio das Polícias Civil e Militar, para cumprimento de mandado de busca e apreensão. A decisão da Justiça atende a pedido formulado pelo MP, que sustentou que a entidade tem realizado assembleias incitando movimento paredista da classe dos policiais, afrontando o artigo 142 da Constituição Federal, e causando grave risco à segurança pública e à coletividade.

Compartilhe
abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

abaixo de Saúde
%d blogueiros gostam disto: