outubro 17, 2021

970×90

Prefeitura e Embasa discutem Sistema de Esgotamento Sanitário e outras intervenções em Lauro de Freitas

Prefeitura e Embasa discutem Sistema de Esgotamento Sanitário e outras intervenções em Lauro de Freitas

Com o objetivo de ampliar e alinhar as ações da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (EMBASA) em Lauro de Freitas, a prefeita Moema Gramacho se reuniu com o presidente da pasta, Rogério Cedraz, na manhã desta terça-feira (21), para tratar da renovação do contrato da implantação do Sistema de Esgotamento Sanitário (SES), que levará o município a 100% de cobertura e ca umprir o Novo Marco Regulatório do Saneamento.

As intervenções da Embasa na cidade consistem na instalação de redes coletoras e elevatórias, além da implantação da linha de recalque que transportará o esgoto municipal até o emissário submarino em Salvador. A obra, que está dividida por três bacias (Baixo Ipitanga, Flamengo e Picuaia), é realizada com recursos do Programa de Aceleração do Crescimento – PAC.

A duplicação da Avenida Gerino de Souza Filho, abastecimento de água, as ações de pavimentação após as intervenções, a participação social através de audiências públicas, além dos trabalhos a serem realizados no bairro planejado em Areia Branca, também foram alguns dos temas abordados durante o encontro.

A prefeita Moema Gramacho ressaltou os benefícios das intervenções realizadas na cidade pela Embasa e destacou a importância do trabalho em conjunto para otimizar os serviços e proporcionar melhor qualidade de vida à população. “O saldo de hoje foi bastante produtivo. Após o compromisso assumido por ambas as partes, daqui para frente vamos discutir melhor as ações para então colocar em prática”.

Para manter a qualidade e otimizar os serviços realizados nas vias da cidade pela Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seinfra), o titular da pasta, Roque Fagundes, sugeriu compartilhar com a Embasa o cronograma de ruas a serem revitalizadas. Segundo o secretário, a iniciativa visa evitar gastos desnecessários e possíveis retrabalhos.

“Para realizar a obra de esgotamento, a Embasa precisa retirar toda a pavimentação. Como o nosso trabalho contempla várias ruas, vamos trabalhar em conjunto para evitar realizar os serviços antes das instalações da Embasa. Com isso, a gente evita que os serviços de pavimentação tenham que ser refeitos”, explicou.

O encontro foi classificado pelo presidente da Embasa, Rogério Cedraz, como uma troca de informações para melhor atender os laurofreitenses. “Temos evoluído muito no processo de regularização do contrato para trazer mais investimentos para Lauro de Freitas, para trabalharmos juntos com foco em ampliar e melhorar o atendimento no município”.

A reunião contou com a presença dos titulares das pastas de Meio Ambiente, Alexandre Marques; Infraestrutura, Roque Fagundes; da Fazenda, Luiz Cláudio Guimarães; e do Procurador Geral do Município, Kívio Dias, além de Carlos Ramirez, diretor de Operação e Expansão de Salvador e Região Metropolitana da Embasa.

Nesta quarta-feira (22), uma nova reunião técnica será realizada para tratar do aditivo de contrato e da pavimentação após as intervenções no município.

*Consórcio Bacia do Joanes*

A prefeita Moema Gramacho também aproveitou a reunião para solicitar o apoio da Embasa na constituição do Consórcio Bacia do Joanes. A iniciativa foi sugerida em workshop, no último dia 17, para tratar das águas do rio, realizado pela Prefeitura Municipal de Lauro de Freitas em parceria com a Organização Não-Governamental Rio Limpo e com representantes de municípios que integram a bacia: Simões Filho, Candeias, Camaçari, São Sebastião do Passé, Dias D’Ávila e São Francisco do Conde.

Compartilhe
abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

abaixo de Saúde