setembro 28, 2020

970×90

Profissionais da reabilitação são capacitados sobre uso adequado de EPI para retorno ao atendimento presencial

Profissionais da reabilitação são capacitados sobre uso adequado de EPI para retorno ao atendimento presencial

Acostumados a tratar o paciente de perto, os profissionais da Secretaria de Saúde de Lauro de Freitas (Sesa) que atuam na reabilitação de pessoas pós-operatórios, com traumas ou em recuperação de alguns tipos de doenças participaram, nesta segunda-feira (03), da capacitação para utilização correta do Equipamentos de Proteção Individual (EPI) nesse período de enfrentamento da pandemia do novo coronavírus. 

Durante toda a manhã, duas turmas formadas por fonoaudiólogos, fisioterapeutas, nutricionistas, educadores físicos, assistentes sociais, terapeutas ocupacionais e psicólogos se revezaram no auditório da Sesa e receberam orientações com foco na prevenção para evitar que os profissionais da saúde sejam infectados pelo vírus ao manejar possíveis pacientes contaminados, através do uso correto dos EPI’s.

As aulas foram ministradas pela médica Janete Braga, componente do Núcleo de Educação Permanente em Saúde da Sesa. “Apesar destes profissionais não atuarem na linha de frente do combate à pandemia nas unidades de urgência e emergência, eles estão em contato próximo e constante a pacientes que podem estar contaminados nos ambulatórios. A capacitação tem essa finalidade de fazer com que eles continuem seus atendimentos em segurança”, disse.  

A coordenadora do setor de reabilitação da Atenção Especializada, Gizele Assis, explica que a maior parte dos atendimentos ambulatoriais de forma presencial foram suspensos no começo da pandemia em março, as unidades passaram a realizar os acompanhamentos de forma remota. Esta é uma preparação para o retorno das consultas presenciais. “Ao todo faremos este curso com mais seis turmas.Todos receberão seus certificados. Estamos capacitando estes profissionais para que ao retornarem as suas funções estejam preparados para realizar os atendimentos bem protegidos”, disse. 

Durante o treinamento, foi abordado introdução sobre o que é o Covid-19, apresentação de EPI, processo adequado de paramentação e desparamentação, que correspondem às formas certas de vestir e retirar os equipamentos, o processo correto da higienização das mãos e descarte adequado de materiais utilizados durante o atendimento.

Compartilhe
abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

abaixo de Saúde