junho 13, 2021

970×90

Projeto voltado ao empreendedorismo étnico é iniciado em Salvador

Foi aberto na última segunda-feira (21), na Aliança Francesa, em Salvador, o evento ‘Black Week, Alfaiates e a Moda’, com foco no incentivo ao empreendedorismo étnico. A iniciativa é da Associação Civil Filhos de Bárbara (ACFBA) e conta com apoio da Secretaria de Promoção da Igualdade Racial (Sepromi), por meio do Edital Agosto da Igualdade. Os líderes da Revolta dos Búzios (1798), João de Deus e Manuel Faustino, que atuavam como alfaiates, foram homenageados no desfile de moda afro realizado com modelos negras e negros de diversos bairros de Salvador.

De acordo com o babalorixá Roberto de Iansã, da ACFBA, o objetivo é estimular a inserção de profissionais da área da estética e da moda afro. “Após o processo de treinamento desta primeira etapa, o público participante terá melhores condições de empreender de forma individual ou coletiva”, informou, destacando que, até quarta-feira (23), acontecem qualificações na área, exposição e feira. As vestimentas e acessórios divulgados têm a assinatura da designer Fátima Dantas e do estilista Marcelo Moura.

As atividades contam ainda com oficinas de torsos e cabelos, ministradas por Dandara Tolegí e Pretinha do Curuzu, respectivamente. O processo de formação também abordará a produção de roupas de candomblé e alta modelagem, pela equede Conceição Aflitos e beneficiários da ACFBA. Para a titular da Sepromi, Fabya Reis, o projeto promove a inclusão produtiva da juventude. “A ação cria oportunidades para os jovens negros, também recuperando a memória de dois grandes líderes da revolta que também leva o nome de Revolta dos Alfaiates. Renovamos nosso compromisso de divulgar a força e beleza do nosso povo, promovendo o seu desenvolvimento”, destacou.

Compartilhe
abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

abaixo de Saúde