julho 03, 2020

970×90

Queiroz diz a advogado que não quer e não tem o que delatar

Queiroz diz a advogado que não quer e não tem o que delatar

O ex-assessor de Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ),  Fabrício Queiroz, preso durante a operação da Polícia Federal (PF) sob suspeita de envolvimento no caso das “rachadinhas“, negou para seu novo advogado, Paulo Catta Preta, que estaria negociando um acordo de delação premiada com os investigadores.

“Doutor, eu não quero delatar e não tenho o que delatar”, respondeu o ex-assessor de Flávio Bolsonaro, segundo o defensor.

A informação de que uma delação estaria a caminho foi divulgada na semana passada — quando Catta Preta, que é contra acordos de colaboração, disse não ter conhecimento de nada. Na segunda (29), porém, ele esteve na prisão com Queiroz e afirma que o questionou com clareza.

“Disse a ele que, se fosse essa a opção, eu teria que sair do caso e indicar outro advogado. E ele me respondeu que era o contrário. Eu estou seguro com o que ele me disse. Não teria por que mentir. Se quisesse fazer delação, ele teria que eticamente me comunicar” disse Catta Preta. As informações são da coluna de Mônica Bergamo, da Folha de S.Paulo.

Compartilhe
abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

abaixo de Saúde