junho 14, 2021

970×90

Recesso escolar da rede municipal de Lauro de Freitas tem início no próximo dia 16 de dezembro

Recesso escolar da rede municipal de Lauro de Freitas tem início no próximo dia 16 de dezembro

Conforme previsto no calendário escolar, aprovado pelo Conselho Municipal de Lauro de Freitas, a partir do próximo dia 16 de dezembro, têm início o recesso escolar da rede municipal de ensino. Os professores retornam às atividades no próximo dia 03 de fevereiro de 2021, para elaboração do planejamento pedagógico.


Já no dia 08 de fevereiro de 2021, serão retomadas as atividades remotas com os estudantes, seguindo o conteúdo programático estabelecido no Currículo Emergencial, elaborado pela Coordenação da Educação Básica. O documento segue diretrizes do Ministério da Educação para direcionamento das atividades educativas neste período pandêmico.


A Semed explica que o recesso se faz necessário em cumprimento aos direitos trabalhistas dos professores, mas não representa a finalização do ano letivo de 2020. No retorno às aulas, no dia 08 de fevereiro de 2021, terão continuidade as atividades desenvolvidas referentes ao ano letivo de 2020.


Enfrentamento da pandemia – Desde o início da pandemia do novo coronavírus, a Prefeitura de Lauro de Freitas, por meio da Semed, entregou o total de 196 mil kits alimentação a cada aluno da rede municipal de ensino. Neste mês de dezembro serão entregues mais 28 mil unidades.


Esta foi apenas uma das ações desenvolvidas pela Semed para o enfrentamento da pandemia. Em março, as unidades escolares, seguindo a orientação da Coordenação da Educação Básica, iniciaram o desenvolvimento de rotinas pedagógicas para os estudantes. O processo consistiu no compartilhamento de aulas e atividades por plataformas digitais, como Facebook, Instagram e WhatsApp.


Também foram entregues conteúdos impressos aos educandos cujas famílias não têm acesso à internet. A secretaria intensificou a alimentação da Plataforma de Recursos Educacionais (RED), disponibilizada em seu site, por meio da ação do Núcleo de Educomunicação da Coordenação da Cidade Educadora.


Ainda, o órgão promoveu o Concurso de Redação e Desenho e o I Festival Digicultural de Estudantes, com todos os procedimentos realizados por meio digital. Cerca de mil alunos participaram das atividades, cujos trabalhos alcançaram quase 30 mil processos interativos na fanpage da secretaria, indicando uma participação intensa da comunidade escolar.
Também foram promovidas diversas lives, no Instragram, com temas referentes à educação pública, pandemia e sociedade.


Ações administrativas – Mesmo obedecendo o distanciamento físico, determinado pelos decretos municipais, a Semed manteve o diálogo com gestores, professores, Conselho Municipal de Educação (CME) e Asprolf, por meio digital. As pautas versaram sobre questões rotineiras para o aperfeiçoamento da educação pública e a tentativa de encontrar soluções para o enfretamento dos desafios propostos pela pandemia.


Outra ação administrativa foi a construção de parcerias entre a Semed e o Instituto Anísio Teixeira (IAT) e com instituições de ensino superior públicas e privadas para promover formações continuadas aos profissionais de educação. Também foi ofertado um curso virtual sobre empreendedorismo para pequenos comerciantes do município.
Ainda, neste ano pandêmico, a secretaria assinou termo para implantação da Iniciativa BNDES Educação Conectada (IEC-BNDES) no município, em parceria com a Secretaria Estadual de Educação.

Compartilhe
abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

abaixo de Saúde