Revista Veja coloca ACM Neto como beneficiado por venda de terreno valioso da Prefeitura

 Revista Veja coloca ACM Neto como beneficiado por venda de terreno valioso da Prefeitura

Um projeto aprovado pela Câmara de Salvador no apagar das luzes de 2023 vem chamando a atenção, não só por autorizar a alienação, troca, venda ou doação de quarenta terrenos públicos, sendo quinze deles áreas verdes, como também os nomes que podem ser beneficiados com a decisão.

Segundo uma publicação da revista Veja, nesta sexta-feira (12), um dos locais listados no projeto é uma área verde de 6 699 metros quadrados, localizada numa encosta à beira-mar na Baía de Todos os Santos, em uma região nobre do Corredor da Vitória, ao lado de um prédio de dois andares que foi adquirido pela Novonor (ex-Odebrecht).

O texto aponta que a empresa, que contava com um projeto visando a construção de 24 pavimentos, firmou parceria com um grupo de empresários que conta, entre outros nomes, com o ex-prefeito de Salvador, ACM Neto, que em 2022 perdeu a disputa para o Governo do Estado.

A revista ainda revela que, contando o governo de Bruno Reis e os dois mandatos de Neto à frente da capital baiana, esse teria sido o quarto lote de desafetações desde 2014, totalizando 113 áreas públicas.

Após a decisão do Legislativo municipal, outros nomes de peso como a empresária Flora Gil, mulher do cantor Gilberto Gil, e o próprio Gil se manifestaram contra o projeto. “Pedindo a Deus e à prefeitura que conserve a Mata Atlântica da cidade do Salvador.”, disse Flora. “Os lucros são muito grandes, mas ninguém quer abrir mão.”, respondeu Gil em uma rede social. Já ACM Neto não se manifestou sobre o assunto até o momento.

Clica aqui e leia a matéria da Revista Veja sobre este assunto

 

Deixe uma resposta

Descubra mais sobre LF News -

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading