abril 14, 2021

970×90

Rui Costa voltar a negar que deixaria o PT, mas critica: cometeu muitos erros

Na manhã desta quinta-feira (22), o governador Rui Costa voltou a negar que deixaria o PT. Em maio deste ano, chegou circulou a informação que o petista desembarcaria no PSD, comandado na pelo senador Otto Alencar.
 
Nas eleições deste ano, após as denúncias da Operação Lava Jato, o partido que governou o país por 13 anos seguidos, sofreu a pior derrota entre todas as legendas sob qualquer aspecto. Em número de prefeituras, a queda fez o partido voltar praticamente 12 anos no tempo.
 
“O PT cometeu muitos erros. E eu diria que o erro grave que o PT cometeu foi de no momento que tinha mais força política no Brasil, no momento do governo Lula, que estava com alta aprovação, não encarou de forma séria, decidida, esse modelo arcaico, velho, ultrapassado, que se mostrou corrompido, de financiamento de campanha política. Não encarou com decisão firme de fazer reforma política, de mudar o financiamento de campanha”, disse em entrevista na Rádio Metrópole, nesta quinta-feira (22). 
 
E continua: “é uma hipocrisia na minha opinião. E eu não gosto de hipocrisia. Alguns dizem ‘descobrimos que existe problema no financiamento de campanha no Brasil, que as empreiteiras participavam’. Ô cara pálida, isso eu conheço desde que eu era criança, adolescente, que isso é feito no Brasil. Muitos políticos, e para ser verdadeiro, de  partidos diferentes, há décadas denunciam que era preciso rever isso”.  
 
Para o governador, no máximo o que o PT fez foi se “igualar” aos outros. “Não vejo o PT nem melhor, nem em pior situação em relação aos outros em relação a moral. Não estou pensando…”, concluiu o governador.
 
Compartilhe
abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

abaixo de Saúde