maio 30, 2020

970×90
970×90

Saiba como saber se seu CPF foi usado para pedir o auxílio emergencial indevidamente

Saiba como saber se seu CPF foi usado para pedir o auxílio emergencial indevidamente

Devido ao número de fraudes, algumas pessoas têm enfrentado problemas para receber o auxílio emergencial de R$ 600. No momento em que tentam se increver, recebem uma mensagem informando que o CPF já teria sido utilizado anteriormente.

Segundo o Ministério da Cidadania, é possível saber se qualquer requerimento foi feito e os dados utilizados entrando no site consultaauxilio.dataprev.gov.br.

A instituição também tem uma página com o passo a passo para acompanhar a situação dos pedidos. Se o cidadão encontrar alguma inconsistência no requerimento, é possível fazer uma denúncia pelo canal Fala.Br, uma plataforma integrada de Ouvidoria e Acesso à Informação da Controladoria-Geral da União, disponível em https://falabr.cgu.gov.br ou pelos telefones 121 ou 0800 – 7070 – 2003.

Nesta quinta-feira (21), o jornalista William Bonner denunciou o uso do CPF de um dos seus filhos em uma fraude para a retirado auxílio emergencial. O apresentador do Jornal Nacional afirmou que estelionatários usam o nome e o CPF de seu filho há 3 anos para realizar fraudes, como a abertura de empresas e contratações de serviços de televisão por assinatura. Bonner afirmou que soube da fraude quando foi procurado pelo jornal Meia Hora para repercutir o uso de dados do filho.

Compartilhe
abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

abaixo de Saúde