dezembro 07, 2021

970×90

Saiba quais serão as 5 profissões do futuro

Nos próximos anos, teremos uma grande mudança no panorama das carreiras e profissões. As perspectivas de especialistas dão destaque para uma mistura de atuação em campos diferentes – que até então não se associavam. 

Dentre as profissões que estão sendo depositadas as maiores expectativas estão as das áreas tecnológicas que, além de ter a probabilidades de grande demanda de profissionais, já pagam hoje salários acima da média de mercado.

Segue abaixo algumas profissões que tendem a ter alta empregabilidade no futuro:

1 – Gestão de BIG DATA
A maioria das empresas estão migrando seus processos para a era da tecnologia. O mundo está vivenciando um momento em que existe uma abundância de informações e dados e por isso, segundo especialistas, o mercado buscará este profissional, para administrar bancos com grandes volumes de dados e analisar tudo em tempo real, dando valor a este conteúdo.

2 – Economia Agroindustrial
Existe um déficit de formação de profissionais ligados ao agronegócio, há muitos com formação técnica como agrônomos e veterinários, mas falta formação ligada a negócios e gestão. Esse é um déficit muito latente e há muitas oportunidades em empresas. O setor tem crescido em alta velocidade, o que tem contribuído para a melhoria de produtividade e no investimento cada vez maior em tecnologia.

3 -Desenhos de projetos de Arquitetura Naval
Suprindo necessidades de novas estruturas em planejamento naval, realizando produção, desenho, manutenção e controle de máquinas computadorizadas. A atuação dessa profissão é bem abrangente e com expectativa de alta demanda nesse setor para os próximos anos, a demanda por profissionais dessa área deve ser aquecida, apenas o Pré-Sal irá garantir uma grande demanda de profissionais dessa área por um longo período.

4 – Econofísica
A junção da física com a economia é um nicho com possibilidades de se firmar dentro de empresas ou na área acadêmica. O profissional poderá aplicar no mercado financeiro os conhecimentos adquiridos na formação superior em Física, o que não impede também alguém de economia aprender conceitos de Física. Já existem atualmente, fora do Brasil, cursos de nível superior em Economia com um viés mais matematizados, que recebem a alcunha de curso de “modelagem’’ mesclando essas duas áreas que tradicionalmente pouco conversam entre si.

5 – Gestor de Resíduos
O profissional com está formação irá atuar nas áreas que compreendem água, esgoto, drenagem, limpeza urbana e manejo de resíduos sólidos. Existe uma grande tendência no futuro de aumentar a necessidade de profissionais que reúnam capacitação e habilidade técnicas para trabalhar nestes projetos. Desde 2010 a Politica Nacional de Resíduos Sólidos passou a prever uma série de obrigações para o poder público e privado que necessitará de profissionais capacitados em seu planejamento e sua administração. (Varela Notícias)

Caso ainda tenha alguma dúvida, deixe um comentário ou me mande um e-mail, [email protected]

Eduardo Fiuza Lobo, é sócio fundador da EML RH e diretor regional da JAN-PRO regional Bahia

Compartilhe
abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

abaixo de Saúde