setembro 22, 2019

970×90

Simões Filho vai ganhar mais unidades do programa Minha Casa, Minha Vida – Saiba os locais

Um convênio firmado entre a prefeitura e a Secretaria de Assuntos Estratégicos da Presidência da República prevê a construção de 7,3 mil casas do Programa Minha Casa, Minha Vida, na cidade de Simões Filho, Região Metropolitana de Salvador.Os novos projetos foram enviados pela Secretaria Municipal de Habitação e Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e serão liberados pela Caixa Econômica Federal em parceria  com o Governo Federal.

Os imóveis serão destinados, prioritariamente, aos desabrigados, desalojados e moradores de área de risco. Do total, 3% é obrigatoriamente destinado às famílias com portadores de deficiência. Outros 3% serão destinados às chefiadas por idosos, de acordo com o Estatuto do Idoso.

As residências serão divididas em quatro  empreendimentos, denominados Cedro Sapucaia, Residencial Rosa e Monte Sinai; todos serão construídos no distrito de Santa Rosa, às margens da BA 093. O quarto conjunto habitacional será estruturado numa comunidade que fica próximo à Avenida Walter Aragão de Souza , nas imediações do Loteamento São Miguel. Esse último, denominado como Residencial Colina, será arquitetado para comportar 2, 2 mil apartamentos.

O primeiro e o segundo conjunto  terão, 1, 8 mil apartamentos, cada. E o terceiro, 1, 5 mil. A previsão é que a Caixa Econômica Federal entregue as obras dentro de até 24 meses, a contar do início da construção, numa data a definir no próximo ano.

Nesta quinta-feira, 01, a Prefeitura de Simões Filho divulgou a entrega de 2.524 moradias divididas entre os residenciais Alvorada e Ipitanga, no bairro de Simões Filho I; e os empreendimentos identificados como Parque Universitário I e II, no bairro do Vida Nova. 

Compartilhe
abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

abaixo de Saúde
%d blogueiros gostam disto: