outubro 16, 2021

970×90

Suspeito de matar professora em Riachão do Jacuípe tem prisão revogada

Suspeito de matar professora em Riachão do Jacuípe tem prisão revogada
O suspeito de assassinar a professora Ienata Pedreira Rios, de 35 anos, em Riachão do Jacuípe, no dia 3 de julho, teve a prisão temporária revogada na tarde de quinta-feira (4), após expirar o prazo regulamentar de 30 dias. Ex-noivo da vítima, Cássio Fabrício Carneiro estava preso na delegacia de Teofilândia.
  
Segundo o delegado Sérgio de Araújo Vasconcelos, responsável pelo caso, a Justiça revogou a prisão por não haver novos indícios para prorrogação, já que exames do Departamento de Polícia Técnica (DPT) não foram apresentados em tempo hábil. O delegado afirmou ainda que continuará as investigações. Enquanto isso, o acusado responde em liberdade. 
 
Ienata Pedreira Rios foi morta a facadas dentro da casa onde morava, em Riachão do Jacuípe. No dia do crime, o filho adolescente da professora não estava em casa. Cássio foi preso três dias depois do assassinato.
Compartilhe
abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

abaixo de Saúde