dezembro 08, 2021

970×90

Tiroteio em ônibus na BR-324 deixa PM e passageiro mortos

Um sargento aposentado do Batalhão de Guarda da Polícia Militar, identificado pelo nome de Miranda morreu após ser atingido por disparo de arma de fogo na cabeça, durante um assalto a um ônibus do Consórcio Integra, linha Narandiba, na noite desta quinta-feira (27), na BR-324, região da Brasilgás, quando seguia sentido ao bairro da Mata Escura.
Segundo informações da polícia, além do PM, um passageiro não identificado foi alvejado por tiros e também veio a óbito. Unidades do Samu foram acionadas e policiais da 48ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM) realizam buscas para a prisão dos criminosos.

Equipes da Força-Tarefa do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) que investiga morte de policiais e do Grupo Especial de Repressão a Roubos em Coletivos (GERCC) já estão na BR-324, próximo a Brasilgás, investigando o roubo a ônibus, que resultou na morte do sargento PM da reserva Gilberto Miranda de Andrade e Josenildo dos Santos Reis.


As primeiras informações são de que três homens entraram no coletivo de número 1387, que fazia a linha Narandiba, na entrada da Vila Canária, anunciaram o assalto na região da Brasilgás e, próximo ao local conhecido como Lagoa do Urubu, o militar reagiu e durante a briga corporal foi alvejado.
“Já encaminhei o motorista e o cobrador do ônibus para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) para que possam ser feitos os retratos falados dos criminosos”, contou o delegado Odair Carneiro, coordenador da Força-Tarefa, que está no local do crime. Acrescentou que testemunhas vão ser levadas para o DHPP para que os depoimentos sejam colhidos. “Estou indo agora na sede da empresa para pegar as imagens das câmeras do coletivo”, finalizou Carneiro.
Guarnições de especilizadas da PM e de unidades da área fazem buscas com o objetivo de capturar os criminosos.

Compartilhe
abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

abaixo de Saúde