junho 19, 2021

970×90

Visitas em todos os presídios da Bahia são suspensas após alta no número de casos da Covid-19

Visitas em todos os presídios da Bahia são suspensas após alta no número de casos da Covid-19

As visitas estão suspensas nas unidades prisionais da Bahia, anunciou nesta sexta-feira (19/2) a Secretária de Administração Penitenciária e Ressocialização (SEAP). De acordo com a pasta, a medida tem relação com o aumento de casos confirmados da Covid-19 e da ocupação das unidades hospitalares para o tratamento da doença e vale também para as pregações religiosas. 

Ainda segundo a SEAP, a medida entrará em vigor a partir da próxima segunda-feira (22/2). O objetivo é minimizar os impactos causados por uma possível transmissibilidade do novo coronavírus, além de evitar agravos a saúde dos servidores. 

Até a manhã desta sexta-feira, o número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 10.995, representando uma letalidade de 1,71%. Além disso, dos 643.244 casos confirmados desde o início da pandemia, 615.962 já são considerados recuperados e 16.287 estão ativos.

Esta é a segunda suspensão de visitas que ocorre desde o início da pandemia. Em março de 2020, o Sindicato dos Servidores Penitenciários do Estado da Bahia (SINSPEB) protocolou um pedido de suspensão de visita aos detentos e as saídas temporárias.

O documentou pontuou os riscos de contágio através da grande concentração de visitantes acessando o sistema prisional, enfatizando sobre as condições de insalubridade das unidades, a superlotação, a vulnerabilidade da saúde dos internos e a exposição de servidores sem o fornecimento de luvas, máscaras e álcool em gel. Na época, os familiares dos custodiados se manifestaram contra a decisão e fizeram protestos.

Compartilhe
abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

abaixo de Saúde