dezembro 06, 2021

970×90

Vitória encara o Santos fora de casa, visando se afastar do Z-4

Apesar das dificuldades de jogar na Vila Belmiro diante de um Santos que busca conquistar uma vaga direta na Libertadores, além da possibilidade de titulo que ainda existe, o Vitória de Argel conta com o potencial de Marinho e a entrega dos atletas para tentar surpreender o Peixe.   

Ainda sem divulgar a equipe que entra em campo nesta quinta-feira (17), às 18h30, o treinador admitiu a possibilidade de mudanças, entre elas, a possível entrada de José Welison para reforçar a marcação do lado direito, permitindo o avanço do lateral Euller. Isso resultaria na saída de um meia ou atacante do time (Zé Love ou Cárdenas).

 
“Temos uma estratégia, principalmente nesses dez jogos. Podemos jogar com três atacantes, com dois atacantes, com três volantes, com dois volantes, com dois meias, com um meia. Podemos jogar no 4-4-2, no 4-3-3, no 4-2-3-1. Nesses dez jogos, jogamos com vários sistemas. Não vai ser novidade a forma que vamos jogar. E temos jogadores versáteis, que jogam em várias funções. Zé Welison joga de segundo volante, de primeiro, de lateral-direito. Jogou o Baiano inteiro de lateral. Euller joga na lateral esquerda, na meia, pode fazer um terceiro atacante. Diego Renan joga na direita, na esquerda. Então, não vai ser novidade”. 

 

“A gente tem mudado uma peça nos últimos jogos por opção. Aquela história no futebol de que time que está ganhando não se mexe. Mexe sim. Mexe para ganhar mais ainda. É importante cada jogo ter uma estratégia, uma maneira de jogar. Eles entendem isso muito rapidamente. A gente pode jogar de várias formas com os jogadores que a gente tem”, afirmou o técnico Rubro-Negro.

 

Provável escalação: Caíque; Kanu, Victor Ramos, Diego Renan e José Welison; Willian Farias, Marcelo e Euller; Zé Love, Marinho e Kieza. 

 

Santos

 

Ainda sonhando com o titulo brasileiro, o Santos também terá novidades para encarar o Vitória. Sem poder contar com Gustavo Henrique e Luiz Felipe machucados, além de David Braz que está suspenso, a dupla de zaga do alvinegro será formada pelo volante Yuri e o zagueiro Fabián Noguera. Em tese, a equipe de Dorival Junior fica ainda mais ofensiva e veloz, já que Yuri terá liberdade para avançar até a linha de meio-campo quando estiver com a bola.
Se vencer o Leão baiano, o Santos reassume a segunda colocação no campeonato, perdida após o Flamengo vencer o América-MG nessa última quarta-feira. 

 

Escalação provável: Vanderlei; Victor Ferraz, Fabián Noguera, Yuri e Zeca; Thiago Maia, Renato e Lucas Lima; Vitor Bueno, Copete e Ricardo Oliveira.

 

Ficha Técnica

Compartilhe
abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

abaixo de Saúde