Vitória goleia, rebaixa Figueirense e segue fora do Z-4

O torcedor Rubro-Negro que foi ao Barradão na tarde deste domingo (20), não se arrependeu. Em exibição de gala, o Vitória goleou o Figueirense por 4 a 0, rebaixou o time catarinense e ainda abriu três pontos para o Internacional, que joga amanhã contra o Corinthians, em São Paulo. Willian Farias, Zé Love, Kieza e Marinho, marcaram para o clube baiano.
Com o triunfo, o Vitória chega aos 42 pontos e segue na 16ª posição. O Sport perdeu para o Atlético-PR nesta rodada, e agora está apenas um ponto a frente Vitória, também na briga contra o Z4.
O time de Argel volta à campo no próximo dia 28, uma segunda-feira, contra o Coritiba, no Couto Pereira. 
O JOGO
As duas equipes começaram a partida demonstrando bastante nervosismo em campo. Muita transpiração e pouca inspitação.
Logo no inicio uma infelicidade para o Rubro-Negro. José Welison sofreu uma entrada dura e quebrou a clavícula esquerda, obrigando Argel a queimar sua primeira substituição com a entrada do Euller.
Aos 7 minutos, após cobrança de escanteio, Victor Ramos desviou e Kieza livre, cabeceou na trave.
Na seqüência da jogada, o baiano Lins escapou pela esquerda e tentou cruzar para o centro da área. A bola bateu em Diego Renan e por muito pouco não balançou a rede do goleiro Fernando Miguel, que ficou só olhando e torcendo
O jogo estava equilibrado, até que Willian Farias acertou um balaço da entrada da área, sem chances para Gatito Fernández. A bola ainda tocou o travessão antes de entrar. Vitória 1 a 0, aos 23 minutos.
Impedido! Cárdenas bateu falta, VR3 desviou para o gol, mas o árbitro assinalou impedimento.
Em seguida, aos 27, foi a vez do Figueirense assustar. Everton Santos cruzou e Rafael Moura, na pequena área, desviou muito próxima da trave de Fernando Miguel.
O jogo seguia com chances para as duas equipes, bastante franco. Com 41 minutos, Kieza invadiu a área pela esquerda e bateu cruzado. A bola tocou no travessão e sobrou em excelente condição para Marinho que completou para fora.
Só deu tempo para um cachorro invadir o gramado do Barradão. O animal deixou o campo sem necessidade da partida ser interrompida.

O segundo tempo mal começou e o Vitória ampliou com Zé Love. Com menos de um minuto, o artilheiro acertou um belo chute de perna esquerda, no canto direito do goleiro paraguaio. Leão 2 a 0.
E só deu Vitória! Aos 11, foi a vez de Kieza desencantar, e marcar após belo passe de Marinho. 3 a 0.
Com o resultado adverso, o Figueirense se desestruturou completamente em campo. O nervosismo tomou conta e os jogadores do clube catarinense começaram a apelar para as faltas.
Gol Rubro-Negro! Marinho recebeu bola de Zé Love, pela direita, limpa o marcador e bate colocado, no ângulo direito de Gatito. Festa no Barradão! 4 a 0 aos 15 minutos.
Depois foi só cadenciar o jogo e administrar o grande resultado, conquistado no Estádio Manoel Barradas.

FICHA TÉCNICA

Vitória 4 x 0 Figueirense

Campeonato Brasileiro Série A – 36ª rodada
Local: Barradão, em Salvador (BA)

Data/Horário 20 de novembro de 2016/16h (De Salvador)

Arbitragem: Luiz Flavio de Oliveira (SP/FIFA), assistido por Marcelo Carvalho Van Gasse (SP/FIFA) e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (SP/ ASP-FIFA)

Cartões amarelos: Diego Renan (VIT), Willian Farias (VIT), Victor Ramos (VIT), David (VIT) ; Bady (FIG), Yago (FIG)

Vitória

Fernando Miguel; José Welison (Euller), Kanu, Victor Ramos e Diego Renan; Willian Farias, Marcelo, Cárdenas; Marinho, Kieza e Zé Love. Técnico: Argel Fucks.
Figueirense

Gatito Fernández; Ayrton, Bruno Alves, Werley,Marquinhos Pedroso; Josa, Jackson Caucaia, Bady; Everton Santos, Lins e Rafael Moura. Técnico: Marquinhos Santos

Todo o conteúdo deste portal é protegido por leis de direitos autorais. Para republicação ou uso, entre em contato com nossa equipe de suporte.

Descubra mais sobre LF News -

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading