setembro 25, 2021

970×90

Lauro de Freitas vacina quase 5 mil pessoas nesta terça-feira e alcança 76,9% do público-alvo

Lauro de Freitas vacina quase 5 mil pessoas nesta terça-feira e alcança 76,9% do público-alvo

Lauro de Freitas iniciou o esquema vacinal em pessoas com 25 anos ou mais nesta terça-feira (17). A movimentação dos jovens foi tranqüila e sem longas filas, nos cinco pontos disponibilizados para administração de doses no município. Ao todo, 4.955 compareceram para receber a proteção.

Com o número de pessoas imunizadas, Lauro de Freitas alcançou a marca de 116.177 pessoas que receberam pelo menos uma dose da vacina contra a Covid-19. Esse número equivale a 76,9% do público-alvo formado por pessoas acima de 18 anos.

Segunda dose

Nesta quarta-feira (18), Secretaria Municipal de Saúde (SESA) retoma a aplicação da segunda dose das vacinas Coronavac, Pfizer e Astrazeneca, das 8h às 13h. A vacinação da primeira dose está suspensa no município.

O reforço da Coronavac, com aprazamento até dia 26/08 será no drive do Colégio 2 de Julho, na Itinga. A 2ª dose da Astrazeneca, com aprazamento até 20/08, será aplicada no drive do Aracuí, no Centro. Já o reforço da Pfizer, também com aprazamento até o dia 20/08, será no drive da Unime, na Avenida Luiz Tarquínio.

Em Lauro de Freitas, 54.079 munícipes receberam duas doses ou a dose única de alguma das vacinas disponibilizadas pelo Programa Nacional de Imunização. O número representa 35.53% do público-alvo.

Jovens comemoram

Nesta terça, o momento foi de descontração em família para as irmãs Cláudia, 31, e Clarissa Ramos, 27, que foram ao local acompanhadas da prima, a autônoma Aline Silva, 27. “Depois de quase dois anos longe por causa de toda essa pandemia, nada melhor do que passar por essa etapa ao lado de quem a gente ama”, disse Claudia, no Terminal de Portão.

A autônoma Ana Maria Menezes, de 25 anos, escolheu o Ginásio de Esportes do Aracuí para receber a primeira dose da vacina. A rapidez e o bom atendimento por parte dos trabalhadores da saúde foram elogiados pela jovem. Ela também aproveitou a ocasião para convocar os jovens para o ato de cidadania.

“É pelo bem de todos. Sem a maioria da população vacinada, a gente não vai sair dessa situação nunca. Aguardamos tanto por esse momento e agora não podemos deixar passar”, disse.

A emoção tomou conta do agente de portaria Gabriel Soares, 26, na Unime, no Centro. Ele dedicou o momento especial ao tio, que faleceu vítima da Covid-19. “Essa doença só trouxe tristeza para a nossa família. Infelizmente ele e mais de 500 mil pessoas não tiveram essa oportunidade”, contou.

Compartilhe
abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

abaixo de Saúde