maio 27, 2019

970×90

Prefeita destaca novo momento da educação no município durante Conferência que encerrou Formação de Gestores

Prefeita destaca novo momento da educação no município durante Conferência que encerrou Formação de Gestores

A educação básica como instrumento de democracia e de direito à cidadania foram pontos em comum, refletidos pela prefeita Moema Gramacho e o professor e ex-membro do Tribunal de Contas dos Municípios, Zilton Rocha, em conferência de encerramento do Curso de Formação de Gestores da Rede Municipal de Lauro de Freitas, nesta sexta-feira (15), na Escola Dois de Julho, Itinga. Cerca de 150 novos dirigentes escolares eleitos na consulta pública foram certificados.

A temática educação e democracia ganhou centralidade quando a prefeita de Lauro de Freitas, Moema Gramacho, pontuou que em sociedades igualitárias o acesso ao conhecimento e à informação são fundamentais para garantir direitos a cidadania. “Prezo e luto em defesa da democracia. A retomada da consulta pública no município é uma conquista da coletividade, aqui representada por vocês, novos dirigentes. Este é um novo momento para uma educação, inclusiva, que busca aprimorar a integração entre todos os membros da comunidade escolar” conclamou Moema.

Com críticas aos novos tempos, Zilton Rocha destacou o compromisso escolar desde a base, o prejuízo de decisões monocráticas e a perda da democracia nas estruturas da república. “A escola funciona como um espaço de fomento a solidariedade e liberdade do conhecimento. Ter gestores eleitos nos leva a reflexão de quem são os detentores da democratização no ato de decisões, de forma a respeitar as diferentes construções e vivências. Mudar é difícil, mas é possível”, Rocha parafraseou Paulo Freire.

Sobre diretrizes para uma gestão escolar pública eficiente, a Secretaria Municipal de Educação (Semed) promoveu para os novos diretores e vice-diretores uma semana de formação, sendo debatidos os desafios de uma gestão democrática na escola, a função social da educação, programas, projetos e planos educacionais, como responsabilidade do gestor escolar no processo de integração entre estudantes, docentes e comunidade.

Em relação aos desafios da escola, o secretário Municipal de Educação, Paulo Gabriel Nacif, afirmou que os problemas da educação nacional passam longe de questões políticas partidárias; são, sim, a evasão escolar, falta de formação continuada e de investimentos em recursos educacionais. “Em meio a conjuntura do país, estamos lutando para que o processo de ensino-aprendizagem ultrapasse os muros da escola. Nosso município está bem representado por gestores, líderes, que respeitam a coletividade e que projetam a diversidade do seu território educativo”. Enfatizou.

Certificação e cerimônia de nomeação

Com foco na compreensão, funcionamento e prática dos processos de gestão escolar, a Formação de Gestores capacitou em 40 horas os novos dirigentes do município. Ana Rita Pires, diretora eleita da Escola Eurides Santana, aprovou o curso e deu a sugestão de que a formação deva ocorrer periodicamente ao longo do ano letivo. “Tivemos formações excelentes nesta semana. Foram oficinas sobre autoconhecimento, identificação de programas e projetos educacionais, aplicabilidade de planos de gestão, entre outras práticas que só enriqueceram o empenho do nosso trabalho”. ressaltou.

Em ato de felicitação para o exercício da gestão escolar eleita, o secretário Paulo Gabriel proferiu a cerimônia simbólica de nomeação dos novos diretores e vice-diretores, afirmando o compromisso de todos. Participaram da conferência de encerramento o palestrante e representante da Educação do Estado, Renê Pimentel, Christmann Miranda, diretor da UNINASSAU Lauro de Freitas, Valdir Silva, presidente da ASPROLF, vereadores e secretários municipais.

Compartilhe isso
abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

abaixo de Saúde
%d blogueiros gostam disto: