agosto 20, 2018

970×90

Prefeitura promove Semana de Prevenção e Controle da Leishmaniose Visceral

Prefeitura promove Semana de Prevenção e Controle da Leishmaniose Visceral

Conhecida popularmente como “Calazar”, a leishmaniose visceral canina é uma doença endêmica em toda a Região Metropolitana e municípios à margem da Linha Verde. Para reduzir os riscos de transmissão entre animais e aos humanos, a Secretaria Municipal de Saúde (SESA) está promovendo, até o dia 10, a Semana Municipal de Controle e Prevenção da Leishmaniose Visceral, com ações educativas e informativas junto à população.

Coordenada pelo Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), a ação está sendo executada pelos agentes de combate às endemias, com apoio de profissionais da vigilância epidemiológica. Até sexta-feira serão realizadas panfletagens, palestras em escolas e ações de porta em porta com orientações e demonstrativos sobre a doença.

Nesta quinta-feira (9) será realizada uma capacitação dos agentes de combate as endemias, às 13h, no auditório da Faculdade Unime, com palestra do técnico Euclides Ramos da Cruz – do Núcleo Regional de Saúde Leste, referência em Entomologia. Na sexta-feira (10) a Câmara de Vereadores vai promover sessão especial com o tema “Leishmaniose, uma doença a ser enfrentada”.

A doença

A Leishmaniose Visceral é uma doença sistêmica que acomete vários órgãos internos, principalmente o fígado, o baço e a medula óssea, e é transmitida pelos insetos flebotomíneos, porém, o principal hospedeiro urbano é o cão doméstico. Entre humanos, principais vítimas são crianças de até dez anos, idosos e pessoas com baixa imunidade. Sintomas: emagrecimento, febre baixa e aumento do baço e do fígado.

Para prevenir a Leishmaniose Visceral é necessário adotar medidas como evitar construir casas e acampamentos em áreas muito próximas à mata, fazer dedetização quando indicada pelas autoridades de saúde, evitar banhos de rio ou de igarapé localizados perto da mata, utilizar repelentes na pele quando estiver em áreas de mata onde doença ocorre, manter a casa limpa e cuidar da saúde dos cães.

No Centro de Controle de Zoonoses de Lauro de Freitas, a população pode levar os cães para fazer o teste rápido de Leishmaniose, de segunda à sexta-feira, das 8 às 14h. A sede da CCZ está situada na Rua José Leite, 90, Caji, telefone 3288-8912.

abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

abaixo de Saúde