maio 22, 2018

970×90

Oficinas do Educa 7 movimentam escolas da rede municipal em Lauro de Freitas

Oficinas do Educa 7 movimentam escolas da rede municipal em Lauro de Freitas

As oficinas de criação, orientação e desenvolvimento de roteiros do projeto Educa 7 seguem em ritmo intenso. A proposta, fomentada pela Secretaria Municipal de Educação de Lauro de Freitas (Semed), reuniu nesta segunda-feira (14), as equipes participantes da Escola Municipal Pedro Paranhos, em Portão. Nesta etapa, os alunos são inseridos nas rodas de diálogo mediadas pelos educadores, com a finalidade de que aflore em cada equipe participante a criatividade, desejos, expectativas e, de uma forma leve, ser conduzida a formulação das histórias que serão gravadas com recursos audiovisuais, em curtas metragens com tempo máximo de sete minutos

O edital para inscrições na quarta mostra do Educa 7 foi lançado no início do mês de abril e de acordo com a diretora do núcleo de Endocomunicação da Semed, Gabriella Santana, as oficinas servem como balizador para as ideias que serão avaliadas seguindo os critérios da qualidade técnica e experimentação da linguagem audiovisual, com premiação dividida em categorias. “Passada a etapa das inscrições, seguimos o cronograma do projeto com as oficinas nas escolas participantes da rede municipal e em territórios educacionais. Ao todo serão selecionados 20 roteiros para serem filmados com o apoio dos nossos técnicos”, disse.

A programação das oficinas acontece duas vezes na semana em cada unidade. Durante duas horas, os alunos tiram dúvidas sobre enquadramento, temas, garimpos de fontes e construção de roteiro. “Esse momento foi muito importante para mim e para minha equipe. Nós temos muitas ideias; isso às vezes ajuda, mas também pode atrapalhar. Com a orientação pudemos nos organizar melhor e direcionar a nossa história. Ficou bem mais fácil redigir o começo da história, o meio e o final”, contou o estudante do 6º ano Fábio Almeida.

A organização dos grupos permite a participação de jovens com no mínimo cinco e no máximo dez integrantes, a partir de 12 anos, residentes em Lauro de Freitas, matriculados na rede municipal ou estadual de ensino em qualquer segmento. “As oficinas seguem até julho quando divulgaremos os projetos aprovados. Após essa etapa os jovens serão inseridos obrigatoriamente em aulas técnicas, visitas a campo e outras atividades oferecidas pela Semed”, explica o idealizador do projeto, Alexandre Sena.

A finalização e exibição dos filmes estão programadas para acontecer nos dias 26, 27 e 28 de novembro, no Cine Teatro de Lauro de Freitas, com a premiação dos curtas nas categorias A e B avaliados em melhor filme ficcional, melhor filme documentário, melhor atuação, melhor edição, melhor fotografia, melhor trilha sonora. Na categoria C e D o vencedor será o melhor filme e na categoria E não haverá premiação.

abaixo de Saúde

Sobre o autor

posts relacionados

deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

abaixo de Saúde